Página Inicial  |  Perfil  |  Equipe  |  Contato  | 
Links

  

redacao.noticia@noticiacapital.com.br
71 9128-9520

 
  Home - Poesias - Cerca de mil cristãos sírios foram assassinados pelos terroristas
 

Categorias

  Brasil
  Cultura
  Cursos & Concursos
  Dos Blogs & Sites
  Economia
  Educação
  Entrevistas e Reportagens
  Esporte
  Geral
  Internacional
  Mosaico
  Municípios
  Notas
  Opinião
  Politica
  Salvador
  Saúde & Medicina
  Turismo
 

Colunistas

 Agenor Calazans
 Aldo Trípodi
 Alessandra Nascimento
 Gerson Brasil
 Gil Vicente Tavares
 Guto Amoedo
 Kim Niederauer
 Marcelo Torres
 Valter Xéu
 Vitor Carvalho
 

Serviços

  Coelba
  Embasa
  Auxílio a Lista
  Prefeitura de Salvador
  Previdência Social
  Receita Federal
 
COLUNISTAS
 Valter Xéu

 
 
Cerca de mil cristãos sírios foram assassinados pelos terroristas
21 de Dezembro de 2013 22:47

Mil cristãos estão entre um total de 120 mil sírios que foram mortos durante quase três anos de violência na Síria, de acordo com Gregório III Laham, Patriarca de Antioquia e todo o Oriente para os católicos.

O líder cristão declarou nesta quinta-feira (19) a agência oficial chinesa Xinhua que cerca de 450 mil cristãos entre os nove milhões de sírios fora forçados a deixarem seus lares desde o início dos distúrbios na Síria

Cerca de 1,8 milhões de pessoas, ou seja, 10 por cento da população síria são cristãos, e esta minoria religiosa não foi poupado das atrocidades que provocam os grupos extremistas e terroristas que lutam contra o povo e o Governo sírio.

Laham acrescentou que os militantes takfiríes que operam na Síria, até agora, vem destruindo, queimado e sabotado 85 igrejas em todo o país e enfatizou que as operações terroristas são direcionadas tragicamente contra todos os sírios, independentemente de suas crenças.

O líder cristão denuncia que o conflito sírio não é um assunto interno, mas uma guerra contra a Síria a partir do exterior e destacou o envolvimento de elementos estrangeiros no conflito, que são ainda mais fortes que cada segmento da oposição síria.

Em setembro passado, o grupo terrorista Frente Al-Nusra, ligado a Al-Qaeda, assumiu o controle da cidade cristã de Malula, que abriga os dois mais antigos mosteiros da Síria, mas as tropas do governo conseguiu recuperar grande parte dessa região.

Em 27 de outubro passado os cristãos realizaram uma manifestação em frente à catedral em Damasco pedindo a libertação dos seus entes queridos sequestrados por grupos armados.

Da redação do Irã News com Hispan TV