Página Inicial  |  Perfil  |  Equipe  |  Contato  | 
Links

  

redacao.noticia@noticiacapital.com.br
71 9128-9520

                             
 
  Home - Notícias - Juristas e ex-presidentes se reúnem para articular Assembleia Constituinte
 

Categorias

  Brasil
  Cultura
  Cursos & Concursos
  Dos Blogs & Sites
  Economia
  Educação
  Entrevistas e Reportagens
  Esporte
  Geral
  Internacional
  Mosaico
  Municípios
  Notas
  Opinião
  Politica
  Salvador
  Saúde & Medicina
  Turismo
 

Colunistas

 Agenor Calazans
 Aldo Trípodi
 Alessandra Nascimento
 Gerson Brasil
 Gil Vicente Tavares
 Guto Amoedo
 Kim Niederauer
 Marcelo Torres
 Valter Xéu
 Vitor Carvalho
 

Serviços

  Coelba
  Embasa
  Auxílio a Lista
  Prefeitura de Salvador
  Previdência Social
  Receita Federal
 
NOTÍCIAS
 
Juristas e ex-presidentes se reúnem para articular Assembleia Constituinte
15/04/2017 11:01:36

Ex-presidentes da República, juristas e magistrados vêm se reunindo frequentemente nas últimas semanas para articular e motivar a proposição de uma Assembleia Constituinte com o objetivo de reformar a Carta Magna de 1988. A informação foi confirmada ao Jornal do Brasil por uma das fontes que integra o grupo.

Questionado, o deputado federal Miro Teixeira (Rede-RJ) disse que desconhece que tenha havido tais encontros, mas lembra que ele próprio fez a mesma proposta em 1997, e que, na época, a maioria da classe política rejeitou a ideia de reformar a Constituição Federal. Ele argumenta que um novo texto "não é questão de oportunidade, mas de necessidade".

"A ideia é que o povo vote, dando poderes aos eleitos para serem Constituintes, mas não se pode imaginar o atual Congresso como Constituinte. Ainda assim, é preciso admitir que o Brasil precisa de uma nova Constituição. A de 1988 tem quase 100 emendas e mais 1500 propostas de emendas tramitando na Câmara e no Senado", afirma o parlamentar.

O deputado da Rede Sustentabilidade defende que a eleição de uma Assembleia Constituinte ocorra junto com as eleições presidenciais de 2018: "Depois de concluído o trabalho, o mandato deve dos constituintes deve se esgotar, para garantir o direito individual das pessoas, a segurança jurídica e as reformas do Estado brasileiro, da organização dos poderes, além das reformas tributária e política", diz Miro Teixeira.


 
 

 

 


 

 

 
 



Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.



 
 
create', 'UA-40109063-1', 'noticiacapital.com.br'); ga('send', 'pageview');