Página Inicial  |  Perfil  |  Equipe  |  Contato  | 
Links

  

redacao.noticia@noticiacapital.com.br
71 9128-9520

                             
 
  Home - Notícias - Vitória é bi-campeão baiano
 

Categorias

  Brasil
  Cultura
  Cursos & Concursos
  Dos Blogs & Sites
  Economia
  Educação
  Entrevistas e Reportagens
  Esporte
  Geral
  Internacional
  Mosaico
  Municípios
  Notas
  Opinião
  Politica
  Salvador
  Saúde & Medicina
  Turismo
 

Colunistas

 Agenor Calazans
 Aldo Trípodi
 Alessandra Nascimento
 Gerson Brasil
 Gil Vicente Tavares
 Guto Amoedo
 Kim Niederauer
 Marcelo Torres
 Valter Xéu
 Vitor Carvalho
 

Serviços

  Coelba
  Embasa
  Auxílio a Lista
  Prefeitura de Salvador
  Previdência Social
  Receita Federal
 
NOTÍCIAS
 
Vitória é bi-campeão baiano
07/05/2017 18:45:04

Invicto na competição e com uma campanha superior a do rival, bastou um empate de (0 x 0 ) no Barradão, no fim da tarde de domingo para o rubro-negro conquistar o bi-campeonato baiano/ 2017. Jogo limpo, arbitragem sem maiores reparos, nenhuma confusão, um título mais que justo por toda a campanha realizada pelo Vitória. 

E os mais de 30 mil rubro-negros fizeram a festa na Toca do Leão e redondezas, noite afora. 
**
Préjogo
 
Tarde limpa de um domingo de outono, casa cheia, torcida única, tudo em vermelho e preto, foguetório na entrada em campo dos atletas, toda pressão do Leão em sua toca.
 
Um caldeirão vermelho e preto. O rubro-negro jogando por um empate para conquistar o título. Onze vezes o título baiano foi disputado no Barradão e o Bahia venceu apenas uma vez em 1998; e em 2002 papou lá também a Copa do Nordeste. 
 
O árbitro, o baiano (de Vitória da Conquista) Marielson dos Santos, aspirante a FIFA. 
 
O Vitória com Fernando Miguel, Patrick, Kanu, Allan Costa e Géfferson; William Faria, Ramires e Cleiton Xavier: David, André Lima e Paulinho. Treinador Wesley Carvalho, uniforme vermelho e preto.
 
O Bahia com Jean, Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Armero; Juninho, Edson e Régis; Allione, Edigar Junior e Zé Rafael. Treinador Guto Gordiola Ferreira; camisetas brancas. 
*
Bola rolando
 
- Edigar Junio, aos 7 minutos, teve a primeira chance clara de gol, livrando-se da marcação de Allan Costa e, de frente para o gol, bateu forte e rasteiro mas errou o alvo.
 
- Aos 11’, Deivid bateu de longe, a bola quicou e Jean defendeu em dois tempos. Aos 14 foi a vez de Régis arriscar de fora para defesa tranquila de Fernando Miiguel.
 
- Aos 22’, Paulinho percebeu de longe o goleiro Jean meio adianta e encheu o pé, por cobertura, mas Jean saltou bonito e espalmou a escanteio. Na cobrança, Jean deu um tapa na bola fechada e alçada por Cleiton Xavier, Ramires perdeu a sobra. 
 
- Aos 29’, a bola longa resvalou na cabeça de Tiago e sobrou para Deivid na esquerda; o avante, de cabelo louro, dominou, invadiu mas chutou fora a melhor chance do time da casa até então. Noutra, Deivid ganhou na velocidade mas dividiu com Jean e perdeu. 
 
- Aos 33’, após boa jogada de Patrick pela direita, Paulinho cortou na área o zagueiro Lucas e bateu de bico, a bola triscou na trave. Quase ! 
 
- Aos 44’, Zé Rafael na frente da pequena área arrematou mas acertou o companheiro Edigar Junio, perdendo também boa chance. 
 
*
Um bom primeiro tempo, equilibrado, na bola, sem muitas faltas, disputado com lealdade. Muitos passes errados dão conta do nervosismo de uma decisão. 
 
O tricolor começou melhor, mas o rubro-negro com o correr do tempo foi mais incisivo, chegou chutando mais. Foi um jogo muito marcado, de aplicação tática e ocupação dos espaços no meio campo. Os principais jogadores de um lado e outro bem vigiados, em cima. 
 
O Vitória no seu velho estilo, pegando forte, explorando a velocidade pelas laterais com Paulinho, Deivid e Patrick; e alçando bolas na área adversária. O Bahia trocando mais passes, tentando entrar com tramas e bola no chão. Dois estilos, duas formas de jogar diferentes. Empate justo, ninguém conseguiu se impor. 
 
O torcedor tricolor reclamou uma penalidade máxima, discutível, de Allan Costa em Zé Rafael. 
*
 
Segunda e decisiva etapa: Por precauções, em virtude de ter tomado cartão amarelo, Guto trocou na zaga – saiu Lucas Fonseca e entrou Jackson. A equipe da casa voltou da merenda nos vestiários com a mesma equipe e ... o regulamento no sovaco, bastava não levar gol, gastar o tempo e o título estava no papo. Ao tricolor restava ir pra cima, buscar o resultado nos 45 minutos restantes. 
 
- Logo aos 3 minutos, numa cobrança de falta fechada, o Bahia acertou o pé da trave de Fernando Miguel, que estava no lance. A bola passou a dedos da trave rubro-negra, aos 8 min, após um chute de Ze Rafael que desviou na perna de Kanu; o goleiro F Miguel só torceu. 
 
- Aos 9, o Leão respondeu, numa trama pela direita e um forte chute de Paulinho para outra boa defesa de Jean, mandando a escanteio. Aos 21’, após bom cruzamento de Armero, Tiago subiu mais que a zaga e testou: fora. 
 
O tricolor buscando mais o jogo no campo adversário e o Vitória retraído, administrando o tempo e apostando no contragolpe, no vacilo do adversário. Aos 26’, o volante Ramires sentiu o músculo da coxa e foi substituído por Renê. E tome-lhe cera, cai-cai por parte do time da casa. 
 
- Aos 29, no contra-ataque, Deivid dividiu e ganho na velocidade pela esquerda dos zagueiros Tiago e Jackson, ficou de cara com Jean mas Edson salvou na pequena área. 
 
Duas substituições por volta dos 33 minutos: saiu no Vitória o avante André Lima e entrou o garoto Rafaelson. No Bahia, o centroavante Gustavo entrou em lugar do apagado Alione e Diego Rosa no de Zé Rafael. Gabriel Xavier também em campo, aos 40, mais fôlego. 
 
O Vitória defendia-se com denodo, ganhava o tempo que podia e o tricolor atacava mas parecia já sem pernas, sem forças para fazer o gol necessário. O torcedor rubro-negro nas arquibancadas apreensivo mas dando força, quase celebrando ... 
 
- Aos 46’, em boa trama com Régis, Diego Rosa cortou a marcação e bateu colocado, mas Fernando Miguel chegou nela pelo alto. 
E foi só, deu Leão Campeão. Sem reparos. 
*
Destaques:
 
Em campo: No time vencedor, a importância do goleiro Fernando Miguel, eficiente e manhoso. O bom lateral Patrick. Kanu e Allan Costa becões. William Farias é o coração e o pulmão da equipe; a explosão de Deivid, a experiência de André Lima, boa atuação de Paulinho também. 
 
Na equipe do Bahia, boa presença do goleiro Jean, bem o lateral Eduardo, o esforço de Armero, a constância de Edson, a vontade de Edigar Júnio... Juninho bem abaixo do que pode render, Régis e Alione no sacrifício, Zé Rafael correu muito e errou demais. 
 
Fora de campo: O ônibus em que estavam os atletas do E C Bahia (não era o ônibus oficial do clube, até por precauções) foi apedrejado antes de chegar nas imediações do Barradão. Alguns para-brisas trincados, apenas. 
 
*
Outros campeões
 
- Flamengo 2 x 1 Fluminense, de virada, o Mengo é campeão carioca.
- Corínthians 1 x 1 Ponte Preta. Bastou o empate e o Coringão papou o título no Itaquerão. 
- Atlético Mineiro 2 x 1 Cruzeiro. O galo bicou a raposa e Belô é preto e branco.
- No Rio Grande do Sul deu zebra. Na cobrança de penalidades o Novo Hamburgo derrubou o poderoso Internacional. E o Campeão do Paraná é o Coritiba, que superou o Atlético (PR). 
 
*
Nordestão
 
Bahia e Sport do Recife decidem o título de Campeão da Copa Nordeste 2017, em dois jogos fulminantes: Dia 17, na Ilha do Retiro (PE) e a entrega da taça, na Fonte Nova, no dia 24. 
 
*
Brasileirão
 
Bahia e Vitória estreiam no Campeonato Brasileiro 2017/ Série A, no dia 14 próximo. 
O tricolor joga em casa, na Fonte Nova, contra o Atlético do Paraná; O rubro-negro atua no Sul, contra o Avaí.
Boa sorte a ambos. 
**
Campeões da Europa
Definem-se esta semana os finalistas da Champions League, a Liga dos Campeões da Europa, torneio de clubes mais valioso do planeta:
- Dia 9, em Turim, Itália – Juventus x Mônaco. 
- Dia 10, no Santiago Bernabeu, Madrid – Real x Atlético de Madri. 
Juventus e Real Madrid venceram o primeiro confronto com superioridade e são favoritos. A final será no País de Gales, campo neutro, dia 3 de junho (Foto EC Vitória)

 
 

 

 


 

 

 
 



Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.



 
 
create', 'UA-40109063-1', 'noticiacapital.com.br'); ga('send', 'pageview');