Camaçari vai regularizar mais de 2 mil endereços

      

A Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur) de Camaçari vai enviar para a Câmara de Vereadores, no retorno dos trabalhos após o recesso legislativo, proposta de projeto de lei regularizando cadastros de mais de 2.000 logradouros. Somente depois de aprovado no Legislativo, os logradouros podem ganhar um CEP – Código de Endereçamento Postal. A Sedur levantou cerca de 4.000 logradouros em Camaçari, dos quais apenas 822 são nominados oficialmente e, portanto, possuem o CEP. Caberá aos vereadores apresentarem propostas para nominar os outros mais de 1.100 logradouros de Camaçari.

Essa baixa taxa de CEPs tem causado um transtorno histórico aos moradores do município, pela dificuldade no recebimento de correspondência e encomendas postais. A titular da Sedur, Juliana Paes, disse que o quadro atual causa outro problema grave. “As empresas que querem se instalar em Camaçari se veem diante de mais essa dificuldade: se a sede for num desses logradouros sem cadastro, não podem regularizar a situação junto aos órgãos públicos, já que é necessário ter endereço completo com CEP”, contou, lembrando que a determinação da gestão do prefeito Antonio Elinaldo é combater a burocracia para facilitar a atração de novos empreendimentos para Camaçari. Conforme Juliana, a regularização cadastral permitirá à Prefeitura instalar placas de localização das ruas.