ANS suspende venda de planos de saúde de 10 operadoras campeãs de reclamação

      



Dez operadoras estão proibidas de comercializar novos planos de saúde no Brasil. Entre elas estão Unimed Rio e Norte-Nordeste, Salutar Saúde Seguradora e a CAPESESP – Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde.

Os planos de Saúde destas dez operadoras tiveram a venda suspensa por causa do grande número de reclamações recebidas entre abril e junho deste ano. As principais queixas foram: negativas e demora no atendimento.

Além de terem a comercialização suspensa, as operadoras que negaram indevidamente cobertura aos seus beneficiários estão sujeitas a multas.

Apesar da suspensão, os cerca de 175 mil beneficiários que já são atendidos por esses planos, continuam a ter assistência regular.

De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar, para voltar a vender esses planos para novos clientes, as operadoras precisam antes resolver os problemas assistenciais.

No 2º trimestre deste ano a ANS recebeu 15 mil reclamações sobre a assistência dos planos de saúde.

A lista completa dos planos com venda suspensa estão em www.ans.gov.br