Atropelamento em frente a museu de Londres deixa vários feridos

      



Várias pessoas ficaram feridas hoje (7) ao serem atropeladas por um veículo que subiu na calçada diante do Museu de História Natural de Londres, informou a Polícia Metropolitana da capital britânica, que não confirmou se o episódio é uma ação terrorista. Após o incidente, que ocorreu por volta das 10h20 em Brasília, vários carros da polícia e ambulâncias foram deslocados ao local do atropelamento, disseram as fontes. As informações são da agência de notícias espanhola EFE.

Fontes também indicaram que um indivíduo foi detido, mas não deram mais dados a respeito. Imagens postadas nas redes sociais mostram danos materiais causados na calçada e arredores, bem como a presença de vários agentes armados e um helicóptero que sobrevoa a área, em pleno centro de Londres e uma das regiões mais concorridas da cidade.

Um vídeo postado no Twitter mostra um homem sendo segurado por quatro pessoas.

Atrás desse grupo de indivíduos é possível ver um carro preto com a porta do motorista aberta, que parece ter se chocado com outro veículo.

"Ocorreu um incidente grave na área de fora do museu. Estamos trabalhando com a polícia para oferecer informações atualizadas" informou o Museu de História Natural em um tuíte.

Museu foi evacuado

A Polícia Metropolitana de Londres evacuou o Museu de História Natural como medida de precaução, depois que várias pessoas ficaram feridas no atropelamento.

As forças da ordem também fecharam para o público a estação de metrô South Kensington, a mais próxima ao museu, mas outras entradas do metrô da região permanecem abertas.

Um porta-voz da residência oficial de Downing Street informou que a primeira-ministra, Theresa May, está acompanhando de perto a situação.