Crescem os números de diagnósticos positivos para sífilis no Carnaval

      



Já foram 3.208 testes rápidos para detecção de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) realizados até este domingo (11) nos dois postos do projeto Fique Sabendo nos circuitos Dodô e Osmar, no Carnaval de Salvador. Desse total, houve 19 diagnósticos positivos para HIV, 105 reagentes para sífilis, 6 para Hepatite B e 8 para Hepatite C. Apesar da maioria dos casos confirmados serem de foliões do sexo masculino, é importante destacar que eles são os que mais realizaram exames: 33,3% a mais do que as mulheres.

Para os pacientes reagentes para sífilis, o tratamento é iniciado no local de realização da testagem, através da aplicação de penicilina. Assim como os diagnosticados com as demais DSTs, há encaminhamento para as unidades do Serviço Municipal de Assistência Especializada, nos bairros da Liberdade e Dendezeiros.

As unidades do Fique Sabendo funcionam até esta terça-feira (13), sempre das 9h às 21h, no Multicentro Carlos Gomes, e das 12h às 22h, na Rua Dias D"Ávila, próximo ao Farol da Barra. O serviço é gratuito e realizado por equipe multidisciplinar, composta por enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais e bioquímicos.