Governo Ciro terá como foco o desenvolvimento e combate às desigualdades sociais

      



Com a pré-candidatura de Ciro Gomes lançada oficialmente, o deputado federal Félix Mendonça Jr. (PDT-BA) disse que tendência agora é de crescimento do ex-governador do Ceará. “Ciro é o nome mais preparado e, com certeza, a melhor opção entre todos os candidatos. Com a campanha nas ruas, seu nome tende crescer e será um dos favoritos na corrida presidencial”, afirmou. Otimista, ele disse que o governo de Ciro terá como foco o desenvolvimento, com justiça social. “A linha mestra do seu programa será a retomada do desenvolvimento e a recuperação da economia, junto com o combate às desigualdades sociais. Acreditamos nesse projeto e vamos trabalhar por ele”, garantiu.

Félix destacou a qualidade da equipe montada por Ciro, que tem à frente Mangabeira Unger, professor da Universidade de Harvard (EUA) e ex-ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos no governo Lula, além do economista Nelson Marconi (Fundação Getúlio Vargas) e Mauro Benevides Filho, secretário da Fazenda do Ceará.

Votos do PT – Presidente do PDT na Bahia, Félix aposta na migração de votos de eleitores do PT, caso Lula seja impedido de concorrer. “Esta é uma tendência natural. Não creio que os eleitores simpatizantes do PT votem em outros candidatos”, disse.

Ele acredita que a sucessão presidencial será decidida entre cinco ou, no máximo, seis candidatos. “Teremos Ciro (PDT), Lula (PT) - caso possa concorrer -, Marina (Rede), Geraldo Alckmin (PSDB), Jair Bolsonaro (PSL) e, agora, Rodrigo Maia (DEM) em condições. As eleições serão decididas entre esses candidatos”, afirmou.

Aos 60 anos, o ex-governador do Ceará e ex-ministro dos governos Fernando Henrique Cardoso e Lula estará presente pela terceira vez na corrida rumo ao Palácio do Planalto. Desde 2006, o PDT não disputa o cargo de presidente da República.