Tricolor goleia o Altos-PI pelo Nordestão

      



Em um jogo de duas viradas e sete gols no 2º tempo, o Bahia venceu o Altos-PI por 5 a 2 na noite de terça-feira (20), na Fonte Nova, pela penúltima rodada da fase de classificação da Copa do Nordeste 2018. A goleada colocou o Tricolor de Aço com chance de ainda alcançar a 1ª colocação no Grupo C do Torneio, ocupando o 2º lugar, com 9 pontos, um atrás do Botafogo-PB, que visita o Náutico nesta quinta-feira (22), às 21h15, na Arena Pernambuco.

Se o time paraibano não vencer a partida, o Esquadrão joga por um triunfo simples contra o próprio Botafogo-PB, na quinta-feira da próxima semana (29), em João Pessoa, para ficar com o 1º lugar. A partida de depois de amanhã, em Recife, pode decretar também a classificação antecipada do Bahia, desde que o Náutico não vença o duelo.
Após o triunfo, o Bahia volta agora sua atenção para partida de volta das semifinais do Baianão, domingo (25), às 16h, contra a Juazeirense, na Fonte Nova. O Tricolor de Aço joga por um empate para ir à decisão.
Em campo, Bahia e Altos fizeram um primeiro tempo com poucas chances de gol e muitos erros de lado a lado. De destaque apenas a pequena pressão do Tricolor no final da etapa, com um belo chute de Vinícius na rede, pelo lado de fora, e um arremate forte de Edigar Junio, defendido pelo goleiro Gideão.
A escassez de gols nos primeiros 45 minutos foi compensada com uma enxurrada deles no 2º tempo. O Bahia abriu o placar com Tiago, aos 7, após escanteio cobrado por Vinícius. Dois minutos mais tarde, um banho de água fria para o Tricolor, com Joélson empatando a partida após uma troca de passes rápidos na entrada da área do Esquadrão.
Tudo se complicou ainda mais com a virada do Altos, aos 20, quando Tiago, pressionado por um atacante, marcou contra tentando cortar um cruzamento rasteiro da direita.
Atrás no marcador, o Bahia se lançou ao ataque e passou a criar muitas chances de gol. Antes de Edigar Junio fazer os dois tentos da virada relâmpago (com mais duas assistências de Vinícius), aos 28 e 29, Vinícius, Marco Antônio e o próprio Edigar haviam desperdiçado ótimas oportunidades.
Com o Altos entregue e muito espaço para contra-atacar, o Bahia ampliou a vantagem com mais dois gols. Primeiro, aos 35, Vinícius recebeu passe de Edigar Junio na área e chutou sem chances para Gideão. Aos 48, Zé Rafael fez um golaço, da entrada da área, no ângulo esquerdo do goleiro.
*Do EC Bahia