“Uma história de luta e conquista para população de Jacobina e região”, afirma Galo, sobre Policlínica

      



A assinatura da ordem de serviço para construção da Policlínica Regional de Saúde em Jacobina, no sábado (14), pelo governador Rui Costa (PT), representa “uma história de luta e conquista” que mudará a assistência à saúde na região com um equipamento de ponta. A opinião é do deputado estadual Marcelino Galo (PT), um dos responsáveis pela implantação da Policlínica na Cidade do Ouro que atenderá ainda outros 17 municípios do território do Piemonte da Diamantina.

“Lutamos junto ao governo do estado para que este importante equipamento à promoção da saúde regional fosse construído em Jacobina. Lembro que, junto com o vereador Martins e outros vereadores da região, articulei em maio de 2017 uma audiência com o secretário de Saúde, Fábio Villas Boas, para que a policlínica fosse construída em Jacobina. Entendemos que o território do Piemonte da Diamantina, que tem uma carência história na assistência à saúde, não poderia ficar descoberto de tão relevante serviço a nossa população”, afirma Galo, que enaltece a ação do governador Rui Costa. A Policlínica de Jacobina, quando estiver em pleno funcionamento, contará também com um equipamento de ressonância magnética, fruto de uma emenda parlamentar do então deputado federal Amauri Teixeira (PT) que os deputados Marcelino Galo e Jorge Solla conseguiram liberar. “Esse trabalho conjunto, articulado, fortalece as conquistas e gera bons frutos para população jacobinense”, enfatiza Marcelino Galo.

Na policlínica, a população dos municípios de Caém, Caldeirão Grande, Capim Grosso, Jacobina, Mairi, Miguel Calmon, Mirangaba, Ourolândia, Piritiba, Quixabeira, São José do Jacuípe, Saúde, Serrolândia, Umburanas, Várzea da Roça, Várzea do Poço e Várzea Nova terão acesso a consultas, exames e procedimentos em até 18 especialidades médicas, a exemplo de angiologista, cardiologista, endocrinologista, gastroenterologista, mastologista e neurologista. Exames e serviços como ecocardiograma, eletrocardiograma, endoscopia digestiva, colonoscopia, tomografias e ressonâncias também serão realizados na unidade quando ela estiver funcionando.