Vitória perde para o São Paulo, por 3 a 0, no Morumbi, pela Série A

      



O Vitória perdeu, ontem (12) para o São Paulo, por 3 a 0, no Morumbi, com direito a lance polêmico que prejudicou o Rubro-Negro. O duelo foi o último do Leão antes da parada para a Copa do Mundo da Rússia. A equipe retorna aos gramados apenas no próximo dia 18 de julho, no Barradão, pelo Campeonato Brasileiro. O elenco terá um período de descanso, que será iniciado nesta quarta-feira (12), com retorno marcado para o dia 25 de junho, às 15h.

Mesmo com os desfalques defensivos, o Vitória soube segurar bem as jogadas ofensivas do São Paulo, aguardando as melhores chances para o contra-ataque. Entretanto, aos 21 minutos do primeiro tempo, o São Paulo acabou abrindo o placar com Nenê. Mesmo com o gol, o Vitória equilibrou o jogo, que só teve um desfecho a favor dos mandantes após um lance polêmico protagonizado pelo árbitro da partida. Numa jogada normal, Yago trombou com Nenê. O juiz Igor Junio Benevenuto entendeu, de forma equivocada, que o atleta rubro-negro agrediu o jogador adversário, expulsando Yago direto.

A expulsão quebrou o ritmo do Leão, que acabou levando o segundo, também com Nenê. O Leão ainda teve duas outras chances, mas o primeiro tempo terminou em desvantagem para o Vitória. Na segunda etapa, o São Paulo ampliou com Everton.

Fotos: André Hiltner/ EC Vitória

FICHA TÉCNICA
São Paulo 3 x 0 Vitória
Campeonato Brasileiro – 12ª rodada
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 12/06/2018 (terça-feira)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto, auxiliado por Felipe Alan Costa de Oliveira e Ricardo Junior de Souza (trio mineiro)
Cartões amarelos: Neilton e Bruno Bispo (Vitória);
Cartões vermelhos: Yago (Vitória) e Lucas Fernandes (São Paulo)

São Paulo: Sidão; Araruna, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei e Hudson; Nenê e Lucas Fernandes; Everton (Caíque); Diego Souza (Brenner). Técnico: Diego Aguirre.

Vitória: Elias; Cedric, Ramon, Bruno Bispo e Jeferson; Lucas Marques, Yago e Rhayner (Guilherme Costa); Wallyson (Rodrigo Andrade), Neilton e André Lima (Lucas Fernandes). Técnico: Vagner Mancini.

*Do EC Vitória