Cortejo do 2 de Julho passa por ruas requalificadas pelo Governo do Estado

      



Parte do desfile em homenagem à Independência da Bahia, nesta segunda-feira (2), passará por vias requalificadas pelo Governo do Estado, por meio do projeto ‘Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador’, em execução pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur). O Desfile do 2 de Julho será realizado em pistas pavimentadas, com calçadas recuperadas e equipadas com itens de acessibilidade, graças ao projeto estadual, que tem o objetivo de melhorar o espaço público em mais de 270 vias, em onze bairros que integram o centro da capital baiana. Um investimento de R$ 124 milhões.

“Os moradores já percebem as melhorias que realizamos nos passeios e nas pistas. Antes tínhamos calçadas cheias de buracos, apresentando risco à segurança dos pedestres. Hoje, elas oferecem dispositivos de acessibilidade”, explica o superintendente Operacional da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), Rogério Machado.

Os participantes do desfile terão a oportunidade de conferir todas as intervenções feitas no Corredor da Lapinha, Ladeira da Soledade, assim como nas ruas São José de Baixo, Vital Rêgo, Perdões e Adôbes, que integram o lote 3 do projeto. As ruas Direita do Santo Antônio, do Carmo, Alfredo de Brito, das Portas do Carmo e Chile, que fazem parte de outros lotes e estão no trajeto do 2 de Julho, também serão requalificadas.


Projeto

O projeto foi planejado para ser executado por etapas, simultaneamente, em diferentes pontos do Centro Antigo. Assim, os bairros próximos foram interligados por cinco lotes, sendo que em quatro os serviços já foram iniciados.

A Conder inicia os serviços com a requalificação das calçadas para em seguida realizar o pavimento, com trechos em asfalto e outros em paralelo. Previamente, em cada uma das ruas, antes da obra começar, a equipe do Social realiza visitas para explicar ao moradores, comerciantes e representantes de instituições presentes nessas vias a proposta com o projeto.