Vereador diz que sindicalistas da educação querem palanque eleitoral

      



O vereador Tiago Correia (PSDB) criticou nesta quarta-feira (11) a greve dos professores da rede municipal. “Pelo que vi, a adesão à paralisação é baixíssima e não poderia ser diferente porque o que os sindicalistas querem é palanque para as próximas eleições”, disse Correia. O vereador lembrou que os profissionais de educação estão entre as categorias que mais tiveram conquistas na atual gestão.

“ A aprovação de um novo plano de carreira, implementação da reserva da jornada de trabalho e reajustes salariais estão entre as principais conquistas alcançadas pelos professores da rede municipal nos últimos anos”, afirmou Correia. De acordo com o vereador, entre 2013 e 2018, a média salarial dos professores passou de R$ 4.826,71 para R$ 6.431,13, o que representa um incremento de 33,24%.

“Outra demanda importante atendida pela gestão municipal foi a revisão e validação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos da Educação, em 2015, o que representou um avanço nas conquistas da categoria e no reconhecimento do trabalho dos professores. O plano serviu para consolidar gratificações específicas e criar novas vantagens, incentivando o aprimoramento profissional. Também garantiu um terço da jornada de trabalho destinado ás atividades extraclasse para preparação de aulas, avaliação da produção, reuniões escolares, contato com a comunidade e formação continuada”, acrescentou o vereador.