Hospital da Bahia é distinguido com a Certificação Máxima Nível 3 - ONA

      



Com apenas 12 anos de existência, o Hospital da Bahia (HBA) é credenciado coma distinção máxima, Nível 3 ONA - Excelência em Saúde,  pelo Instituto Brasileiro para Referência em Saúde (IBES), de acordo com as diretrizes da Organização Nacional de Acreditação – ONA. Na última sexta-feira (10), no auditório Jorge Torreão, ocorreu a solenidade de entrega da placa alusiva à certificação das mãos da consultora e avaliadora IBES, Tatiana Lorenzo, aos diretores e superintendentes, Marcelo Zollinger, Jadelson Andrade, Lílian Tombo e Fernando Júnior. 
 
O evento contou com a participação de todo o corpo clinico do hospital, gerentes, coordenadores e colaboradores da instituição. Já anteriormente distinguido com outras certificações importantes, a exemplo da  Surgical Review Corporation, SRC, qualificando a instituição como Centro de Excelência em Cirurgia Bariátrica e Metabólica, e o Selo Diamante, do Serviço de Hemodinâmica
certificado pelo  IQG - Health Services Accreditation, o Hospital da Bahia (HBA) avança com a Certificação ONA - Nível 3 ao lado das grandes instituições de saúde do Brasil.
 
“Na sua fala de abertura do evento, o superintendente executivo do hospital, o médico Marcelo Zollinger enfatizou ”que o momento é muito importante porque efetivamente somos merecedores desta certificação. Poucas instituições de saúde do Brasil, que trilharam o caminho da certificação, chegaram tão rápido e nós também logramos o mesmo êxito, em tão pouco tempo. E todo este merecimento, ao longo de 03 anos, deve-se a um trabalho estratégico com a importante participação do IBES, através da sua consultoria mensal e instalação de um comitê interno envolvendo todos os setores da instituição, objetivando fazer um processo muito aproximado que semeou todas às premissas da certificação para os profissionais que lutaram por esta conquista”.  
 
A avaliadora do IBES, Tatiana Lorenzo, agradeceu a colaboração de todos e afirmou “ a Certificação de Nível 3 é muito exigente, o meu trabalho foi apenas de acompanhamento, mas este título foi meramente conquistado por todos os colaboradores envolvidos no processo que responderam às demandas de uma forma muito rápida, e destaco o trabalho criterioso do corpo clínico nesta conquista”. 
 
Ao final da cerimônia, o superintendente e diretor do Serviço de Cardiologia, Jadelson Andrade, agradeceu  a todos pela importância da conquista e ressaltou ” estamos cada vez mais preparados e com esta certificação inovamos em vários quesitos, vamos seguir o mesmo propósito e em frente na busca da Certificação Internacional Europeia - ACSA, cujo processo iniciamos recentemente”.