Venezuela desvaloriza o bolívar em 96%

      



O governo da Venezuela publicou nesta terça-feira a taxa que será o ponto de partida para um novo sistema cambiário, com uma desvalorização do bolívar de 96%, já prevista desde que o presidente Nicolás Maduro anunciou há quatro dias uma reforma econômica.

Um dia depois da entrada em vigor das novas cédulas que tiraram cinco zeros da moeda local, o Banco Central da Venezuela (BCV) publicou uma taxa de 68,65 bolívares por euro, equivalentes a 60 bolívares por dólar.

Sob as denominações anteriores, a taxa pula de 248.210 a 6.000.000 de bolívares por dólar.

Maduro anunciou na sexta que o bolívar está agora ancorado ao petro, a criptomoeda que o governo criou para buscar liquidez.