Suíca aprova resolução do governo sobre doença falciforme

      



A homologação pelo governo baiano da política estadual de atenção integral às pessoas com doença falciforme (enfermidade que atinge majoritariamente a população negra), foi destacada pelo vereador Luiz Carlos Suíca (PT), ouvidor-geral da Câmara. Segundo ele, “a medida é importante para a saúde dos negros e negras da Bahia. O estado tem a maior incidência de anemia falciforme no Brasil, com um caso a cada 650 nascidos vivos”. Infecções, dores e fadiga são sintomas da doença.

As ações em doença falciforme na Bahia repercutem para todo o Brasil, observa Suíca. E a resolução do governo estadual, já homologada pelo secretário de Saúde, Fábio Vilas Boas, na opinião do vereador comprova que a preocupação da gestão com o segmento.

 

Enfrentamento

 

“Conheço, inclusive, lideranças políticas que atuam na campanha que sofrem com esta doença. Na verdade, é um grupo de distúrbios e o tratamento pode ajudar, mas essa doença não tem cura”, salienta Suíca.

A homologação da resolução CES 10/2018 foi publicada no último sábado (8) no Diário Oficial da Bahia. A política estadual de atenção integral para pessoas com doença falciforme segue, segundo Suíca, a ampliação de serviços do governo da Bahia em 2018.

“Esse é um momento extremamente importante e significativo no campo da saúde da população negra e enfrentamento às iniquidades na Bahia”, completa o vereador.