Condenado pelo TJ-BA e inelegível, Isaac Carvalho quer mudar entendimento da Justiça

      



Ex-prefeito de Juazeiro, e condenado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) por desviar R$ 111,9 milhões da Lei Orçamentária da cidade, em 2009, Isaac Carvalho (PCdoB) tem movido esforços para se tornar elegível (veja aqui e aqui). De acordo com o Bocão News, o ex-prefeito recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral e o processo chegou ao órgão na quarta-feira (10).

Ficha-suja, Carvalho tenta também no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e no Supremo Tribunal Federal (STF) reverter as decisões. Ao longo de 2010, o gestor remanejou ilegalmente recursos orçamentários, mediante emissão de decretos de abertura ilícita de créditos adicionais suplementares, cujo montante chega a aproximadamente R$ 112 milhões.

Com base na Lei da Ficha Limpa, Isaac não poderia concorrer. Vale ressaltar que o Tribunal de Justiça da Bahia já julgou o pedido e negou, por unanimidade. Carvalho foi condenado em segunda instância, caso parecido com o do ex-presidente Lula.

A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA) pediu a impugnação da candidatura com base na Lei da Ficha Limpa. Isaac foi condenado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) em maio de 2016 a ser inabilitado, por cinco anos, a exercer algum cargo ou função pública.

Com os pedidos de revisão das sentenças contrário ao comunista, quais as forças ocultas que tentam passar por cima da Justiça?
*Do Metro1