Prefeitura inicia aplicação de geomantas em Pernambués

      



A Prefeitura deu sequência às ações programadas para a Semana Nacional de Redução de Desastres nesta terça-feira (16), quando o vice-prefeito Bruno Reis autorizou o início das obras para aplicar duas geomantas em Pernambués, nas ruas 15 de Abril e Ezequiel. A administração municipal vai investir cerca de R$ 180 mil nessas áreas de risco, para proteger as 70 famílias que residem no local.

De acordo com Bruno Reis, as obras são reivindicações antigas da comunidade. “A Prefeitura está fazendo um trabalho de prevenção na cidade. Nesta semana, daremos início à aplicação de geomantas todos os dias. Já temos 77,4 mil metros quadrados de áreas de risco cobertas com essa técnica em Salvador. A meta é chegar a 150 mil até 2020. Essa é uma ação prioritária cujo objetivo é preservar vidas”, afirmou.

Para o gestor da Defesa Civil (Codesal), Sósthenes Macêdo, a topografia diferenciada de Salvador justifica as constantes intervenções nessas áreas. “O prefeito, o vice-prefeito e a nossa equipe têm trabalhado para minimizar esses problemas de várias formas, seja por meio da prevenção, seja constituindo uma nova cultura para nossas crianças, pelo Programa de Defesa Civil nas Escolas, ou de forma prática, com a implantação de geomantas”.

Moradora da Rua 15 de Abril há 26 anos, Dona Maria Célia aprovou a iniciativa da Prefeitura. “O barro já invadiu a cozinha da minha casa diversas vezes. No inverno, saio daqui porque fico com medo. Então, essa obra vai me dar tranquilidade”, assinalou.

No evento de assinatura da ordem de serviço para a aplicação das geomantas, estiveram presentes o secretário municipal de Cultura e Turismo (Secult), Claudio Tinoco, a diretora-geral das Prefeituras-Bairro, Ana Paula Matos, e o ouvidor-geral do município, Humberto Viana, além de diversos líderes comunitários.