O AVIÃO NÃO CAIU: O TRANSE AÉREO

      



Por Henrique Ribeiro
O primo do Freud de Cândido Sales, Braùlio Pinto resolveu levar a sua

família de Salvador para Natal em uma viagem de férias e fretou um
avião. Ele é casado com Efigênia irmã gêmea de Eugênia.
Nesta viagem foi a sogra D.
Esperança e seu sogro, as irmãs gêmeas e os sobrinhos Lavínia, filha
do seu irmão Amâncio Pinto, Ricardinho filho de seu outro irmão
Terêncio Pinto, sua empregada a Matilde, seu convidado especial o
primo Freud de Cândido Sales e sua secretária, Lindacy, uma linda
mulher . A Lavínia é uma adolescente de quinze anos, muito levada e
seu pai pretende colocá-la num colégio interno de freiras após essa
viagem. Ela é apaixonada por Narciso, filho de um amigo do seu pai.
Antes da viagem Lavínia teve um encontro amoroso com Narciso e
perdeu a virgindade, por que ela achava que só assim não iria para um
colégio interno.
No inicio da viagem Braúlio Pinto brinca com a sogra e diz que a
sogra leva vantagem, se o avião cair por que a esperança e última que
morre. Freud de Cândido Sales vai contando os
casos pitorescos que atende no consultório para a família, claro sem
revelar os nomes dos seus pacientes. Durante a viagem de
avião, a aeronave tem uma pane e o piloto informa aos passageiros
que terá que fazer um poso forçado e acredita que tem poucas chances
de realizá-lo com sucesso. Os passageiros ficam desesperados e entram
em transe.
O Braúlio Pinto há muito tempo é
fissurado na sua cunhada Eugênia, uma solteirona ainda virgem,
aproveita a viagem em que Efigênia fica paralisada de medo, procura
se aproximar da cunhada e não perde a oportunidade para desvirginá-la.
A Matilde testemunha o acontecido e entrega ele para sua esposa, que
diz:
- Quando avião posar , eu mato ele
e dou uma surra na descarada da minha irmã.
O co-piloto se declara a aeromoça e esquece o rádio aberto, todos os
passageiros ouvem, e ela acreditando que vai morrer se entrega ao
desejo do co-piloto. O piloto continua tentando fazer o pouso
forçado, mas revela que é alce(gay) enrustido e solta a franga.
Ricardinho
aproveitou a oportunidade para realizar seu desejo de possuir sua
prima, Lavínia, que não ofereceu resistência. Matilde também
presencia o fato e relata a Eugênia que promete tomar providência se
o avião não cair. Freud de Cândido Sales não deixou
passar a oportunidade e faturou de forma discreta a Lindacy que no
inicio resiste, mas depois cede, sem deixar a Matilde testemunhar. Ela
guardou segredo deste episódio. O
alce-piloto conseguiu o que parecia impossível, fez um pouso forçado e
sem vítimas e sem ferimentos graves, a não ser os ferimentos
morais. Os desatinos dos passageiros e tripulantes
formaram o saldo negativo da viagem. A Efigênia se separou de
Braúlio que se uniu a Eugênia.
Lavínia comprou o silencio de Matilde, ficou grávida e casou com
Narciso, que depois se separou ao descobrir que a criança era a casa
de Ricardinho.
O copiloto ficou a aeromoça que se separou do marido.
O piloto-alce, assumiu e saiu do armário.