Sandro Régis deseja que obras estruturantes da Bahia finalmente saiam do papel no governo Bolsonaro

      



Integrante da Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa da Bahia, o deputado estadual Sandro Régis (DEM), fez uma avaliação sobre o resultado das eleições presidenciais do último domingo e as consequências para o cenário político baiano. Segundo o deputado, as urnas consagraram uma posição e um desejo de mudança, assumido pela maioria dos brasileiros.

O democrata reafirmou o desejo de que a Bahia não seja discriminada pelo novo governo.“Quero reiterar a minha convicção de que não se repetirão no mandato do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) os atos de discriminação contra a Bahia, praticados pelo ex-presidente Lula, durante o governo Paulo Souto (2003-2006), tanto na forma de obras não executadas quanto na transferência de recursos para o atendimento de demandas sociais básicas”, enfatizou.

O democrata destacou a expectativa de que todos os projetos federais importantes para o desenvolvimento do estado voltem a andar. “É importante que todos os projetos estruturantes, como por exemplo, as obras da Fiol, Porto Sul e obras da BR -101 sejam concluídos, ainda que obras novas tenham que aguardar a solução da série crise orçamentária por que passa a União”. 

Por fim, Sandro Régis expressa seus melhores votos de que a empreitada que ora se inicia, de construção de um Novo Brasil, seja coroada de êxito e de que a Bahia também saiba renovar-se ao longo deste processo.