Nordestão: Bahia venceu Santinha no Recife

         



Por Zedejesusbarreto
Atuando coletivamente mais arrumado e com atletas mais qualificados, o Bahia ganhou e somou pontos contra o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste. O jogo foi na tarde calorenta de sábado, na Arena Pernambuco, com ótimo gramado e um público acanhado , para o tamanho das torcidas. Um clássico de tricolores nordestinos, rivalidade Pernambuco x Bahia, jogo sempre pegado.

*

Bola que rola

Os baianos tentaram desde o começo por a bola no chão, trocando passes, sem pressa, e os donos da casa marcando forte, correndo muito, motivados, pondo pressão.

Mas foi o Bahia que chegou primeiro, aos 10 ‘: Nino tabelou com Artur e recebeu de frente, bateu forte para defesa do goleiro Ricardo.

- Gol! 1 x 0 Bahia, aos 19 minutos. Marcos, contra. Trama de Artur com Nino, pela direita, cruzamento rasteiro, forte e rasante de Nino que o lateral da equipe coral tentou cortar e jogou contra suas redes.

O Santinha, pressionado pelo torcedor nas arquibancadas, foi pra cima, levantando bolas na área baiana, conseguindo alguns escanteios seguidos, forçando. O Bahia quebrando o ritmo, valorizando a posse de bola, mas com alguns atletas sumidos em campo, como o meia Guilherme e o avante Rogério. O Tricolor baiano jogando apenas pelo lado direito.

- Gol ! 1 x 1, Santa Cruz, Elias, aos 36’, aproveitando-se do vacilo de Lucas Fonseca, atrasado na marcação, paradão no lance. O garoto do Santa acertou o canto, num belo chute de canhota, rasteiro, da linha da grande área.

Primeira etapa movimentada e equilibrada.

*

No vestiário, Ênderson Moreira trocou o inócuo Rogério pelo lépido Élber. Mal começou a segunda etapa ...

- Gol ! Bahia 2 x 1, com 1’; Gilberto, de cabeça. Artur cruzou da direita na cabeça de Moisés, o lateral testou para o meio e o centroavante estufou o barbante, desempatando.

- Gol ! Bahia 3 x 1, Gilberto, aos 9 ‘, pegando um rebote defensivo, após chutaço de Artur; driblou o goleiro e rolou para as redes, com oportunismo e calma.

O Bahia, com o placar, voltou a cadenciar e amansar o jogo. Aos 28’, o estreante Douglas em campo, substituindo o apagadão Guilherme no meio campo baiano. Em banho-maria...

Aos 34’, após cobrança de falta, Danny Moraes testou cara a cara mas o goleirão Douglas salvou. Aos 40’, Shaylon substituiu Artur, sem dúvida um dos melhores em campo. Aos 42’, Silas cortou Nino e bateu forte, rasteiro, mas Douglas pegou. Foi só.

Enfim, venceu a equipe mais calibrada, mais cara, Série A.

*

As equipes

Santa Cruz – Ricardo, Marcos, Vitão, Danny Moraes e Charles; Rafael, Augusto, Luis Felipe, Elias (Silas), Allan Dias e Jô. Técnico: Leston Jr;

Bahia –Douglas, Nino, Jackson, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore, Flávio e Guilherme (Douglas); Artur, Gilberto e Rogério (Élber). Treinador, Ênderson Moreira.

No apito, o alagoano José Ricardo Laranjeira.

*

O próximo jogo do Tricolor pela Copa do Nordeste é o clássico Ba x Vi, domingo, 3 de fevereiro, na Fonte Nova.

**

Outros jogos do sábado (26jan), pelo Nordestão:

- Sampaio Correia 2 x 2 Confiança ; CRB x Ceará

 

**

Neste domingo, pelo Baianão, Jacobina x Vitória, no estádio José Rocha. Jacobina é sertão, norte da Chapada, a 360 km de Salvador.

 

**
Foto do EC Bahia