Bolsonaro posta vídeo escatológico de carnaval e é denunciado por internautas

      



O presidente Jair Bolsonaro (PSL) postou um vídeo obsceno no Twitter. No registro, um homem aparece introduzindo o dedo no próprio ânus. Em outro momento, um rapaz urina na cabeça desse mesmo homem.

"Não me sinto confortável em mostrar, mas temos que expor a verdade para a população ter conhecimento e sempre tomar suas prioridades. É isto que tem virado muitos blocos de rua no carnaval brasileiro. Comentem e tirem suas "conslusões"", postou.

A publicação já tem mais de seis mil compartilhamentos. Usuários denunciaram a conta do presidente e questionaram o impacto das imagens no turismo do país.

Vídeo incorporado