Avião cai e mata 157 pessoas na Etiópia

      



Um Boeing 737 da Ethiopian Airlines caiu na manhã deste domingo (10) pouco depois de decolar de Addis Abeba, capital da Etiópia. Segundo a companhia aérea, havia 149 passageiros e oito tripulantes a bordo do vôo, que iria para Nairóbi, no Quênia, e nenhum sobrevivente.

O voo ET 302 caiu perto da cidade de Bishoftu, ou Debre Zeit, cerca de 50 quilômetros ao sul da capital Addis Abeba. A estimativa a aeronave tenha caído minutos depois de decolar.

Pelo Twitter, a companhia aérea informou, em dois boletins divulgados na manhã deste domingo, detalhes do vôo. O CEO do grupo da Ethiopian Airlines esteve no local da queda e confirmou que não há sobreviventes.


O primeiro-ministro da Etiópia, Abiy Ahmed Ali, lamentou o acidente. “Em nome do governo e povo da Etiópia, gostaria de expressar as mais sentidas condolências às famílias que perderam seus entes queridos na Ethiopian Airlines Boeing 737 em um vôo regular para Nairóbi, Quênia nesta manhã”, escreveu na rede social Twitter.

Em 2010, ocorreu o último grande acidente envolvendo um avião da Ethiopian Airlines. Um Boeing 737-800 explodiu depois de decolar de Beirute, no Líbano, matando 83 passageiros e sete tripulantes.