Coluna Nordeste Econômico

      



Por André Lubambo
Balanço preliminar parcial do desempenho do setor de franquias divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostra que as redes de empresas registraram em 2018 um crescimento nominal de 7% da receita na comparação com 2017 e gerou 8% mais empregos diretos, com expansão no número de unidades em torno de 5%. Esses dados têm refletido em investimentos que vão além do próprio negócio como, por exemplo, os patrocínios.


A franquia alagoano-pernambucana Açaí Concept, que passa por um processo de internacionalização, deu início, nesta temporada, ao patrocínio do Centro Sportivo Alagoano (CSA), clube vice-campeão da Série B em 2018 e que este ano disputa a Série A do Brasileirão. Já o grupo pernambucano Grau Educacional - detentor das marcas Grau Técnico e Nível A (já em operação), Grau Médio Técnico, Faculdade Grau e Colégio Grau (em fase de implantação) - este ano patrocina os Campeonatos Alagoano, Pernambucano e Cearense de Futebol.

“O CSA é um clube em ascensão, que trará muitas emoções, agora disputando a Série A do Campeonato Brasileiro. Como uma empresa que nasceu em Alagoas, é um prazer para nós patrocinar esse time. É mais uma forma de mostrar a Açaí Concept para todo o Brasil”, afirma Rodrigo Melo, um dos diretores da franquia. A empresa ainda realiza ações promocionais como sorteios de ingressos para os jogos entre os torcedores azulinos.

No caso do Grau Educacional, duas marcas de franquias do grupo, Grau Técnico e Nível A, contam com placas fixas detrás de ambas as metas nos estádios e com exibição nos painéis de led na lateral do campo.

ÍDOLO - Também por meio de patrocínio, a Açaí Concept, quarta maior franquia do Nordeste, está ajudando a contar a história de um dos maiores ídolos do futebol pernambucano: o goleiro Magrão, do Sport Club do Recife. Uma história que despertou paixões nas quatro linhas do campo de futebol agora vai ser mostrada também nas telas do cinema, no filme "Magrão, o Apanhador de Sonhos". A produção começou em 2018 e a previsão é que o documentário seja lançado em dezembro deste ano.

Conhecido por suas defesas cinematográficas em 21 anos de atuação, Magrão começou sua paixão pelo futebol logo cedo, aos seis anos, quando frequentava os estádios para vender água. Nessa época, já tinha o sonho de ser goleiro. Até alcançar o sucesso, foram muitos anos de lutas e sacrifícios. “Quero agradecer a força que a marca está dando para a produção do filme”, disse o goleiro Magrão em um vídeo divulgado nas redes sociais.

“Contamos no filme uma história de superação. Não é um filme para a torcida do Sport, mas para todos os amantes do futebol. Já gravamos vários depoimentos e fizemos tomadas em diversos lugares, como a Itália”, conta o diretor do filme, Rodrigo Asfora.

Além do filme sobre o goleiro Magrão e do time do CSA, a Açaí Concept também incentiva o esporte por meio de patrocínio ao surfista Bernardo Pigmeu e à Revista Suor.