NORDESTÃO: LEÃO EMPATOU MAIS UMA

      



Por Zedejesusbarreto
O último triunfo do Vitória em campo aconteceu no dia 6 de fevereiro. São oito partidas sem vencer,  na sequência.  Pela Copa do Nordeste, o Rubro-Negro jogou cinco e empatou todas. O quinto empate aconteceu nessa noite de quinta, no Batistão, em Aracaju (2 x 2), contra o Confiança. Alguns jogadores e o técnico Chamusca até comemoraram o resultado, em razão de a equipe ter jogado com um atleta a menos em campo desde os 40 minutos da primeira etapa, com a expulsão do apoiador  Rodrigo Andrade.

*

  Baianos em baixa

  No entanto, com os resultados da rodada, Bahia e Vitória estão fora da zona de classificação. O Vitória em 5º, no seu grupo, com 5 pontos ganhos. E o Bahia, mesmo com 9 pontos, está na sexta colocação em seu grupo, bem mais forte que o grupo do rival.  Náutico e ABC venceram e passaram o Tricolor, ainda no amargor da derrota em casa diante do Sergipe ( 0 x 1).

*

   Outros jogos na noite de quinta pelo Nordestão/6ª rodada:

 - Sampaio Correia (MA)  0 x 1 ABC (RN) ; CRB (AL)  1  X  2 Náutico (PE).  

*

   Leão a postos

   O treinador Chamusca, em busca de um primeiro triunfo na competição, escalou a equipe com novidades, duplas de laterais de ofício pelos lados do campo, promovendo assim a estreia de Fabrício:

 - Ronaldo no gol; Ramon e Ed Carlos mantidos no  miolo da zaga; pelo lado direito, Jeferson e Mateus Rocha; do lado esquerdo, Juninho e Fabrício; Wiliam e Rodrigo Andrade na marcação; Andrigo na armação e Leo Ceará na frente. Pra começar. Padrão de camisas brancas.

No apito, o maranhense José Henrique. Chuva maneira e calor em Aracaju. O Confiança, treinado interinamente pelo ex-atleta  Geraldo Moreira  (meia que atuou no Bahia, Ceará...), de camiseta azul.

*

Bola rolando

  Mal começou...

  - Gol !   1 x 0  Vitória, Ed Carlos testou livre, na linha da pequena área inimiga, uma falta alçada da esquerda. Apenas um minuto de jogo. A defesa azul  cochilou.

  Aos 9 minutos Mateus Rocha bateu falta frontal, forte e no chão, mas o goleirão Genivaldo rebateu. O Leão era mais ousado, mas foi recuando, encolhendo-se, apostando no contragolpe apenas. 

Então, o Confiança equilibrou, foi pra cima e quase empatou  aos 23’; Ramon salvou. .

 Com 30 minutos, em função de lesões, o time sergipano já tinha substituido dois jogadores, um lateral e um avante.  O rubro-negro parou de jogar, dando bicos, sem conseguir ficar com a bola. O time da casa abafando, buscando o empate.

  Aos 32’, o árbitro interpretou como pênalti uma entrada/desarme por trás de Mateus Rocha no avante Felipe.

- Gol !  1 x 1, Confiança ! Gustavinho bateu a penalidade sem chances de defesa, forte e alto, empatando.

  O Leão parecia sonado. Dois minutos depois quase aconteceu a virada;  Ronaldo enjoou mas salvou um chute forte, rasteiro, de longe.  Aos 39 min, pra piorar, o apoiador Rodrigo Andrade foi expulso, após uma falta no meio-campo; já tinha recebido um cartão amarelo antes, por outra falta cometida.  Porém,  na sequência ... 

 = Gol ! 2 x 1, Vitória, aos 42 min; Andrigo recebeu bom passe de Fabrício, na área inimiga, livrou-se, com um drible de corpo, do zagueiro marcador e do goleiro, tocando para as redes. Belo gol.

  Fora de casa, com um atleta a menos em campo e sem o domínio em campo, o Vitória desceu pro intervalo comemorando a vantagem: 2 x 1. É o que conta.

*

 Com um atleta a mais no gramado e o incentivo das arquibancadas, o Confiança voltou dos vestiários com determinação ofensiva. O Leão na moita, na manha.

- Gol ! 2 x  2, Confiança, logo aos 6 minutos. Felipe, bateu falta de longe, com violência, acertou o alto da rede baiana, sem muita chance pra Ronaldo, decretando o empate. Um foguete.

 Pressão sergipana. Aos 15’, Chamusca promoveu a estreia do avante Felipe Garcia (ex-Goiás), no lugar de Leo Ceará.  Aos 20’, saiu o desgastado Fabrício (uma boa estreia) para entrada de Leo Gomes. Era preciso ter mais posse de bola, garantir o resultado.

 Os sergipanos querendo mais. Aos 27’, Ed Carlos evitou o gol, quase em cima da linha. Aos 36’, Chamusca trocou o cansado Mateus Rocha pelo avante Erick, tentando surpreender, mesmo com dez em campo.  O time sergipano já não tinha a  mesma intensidade, velocidade... o Leão suportando bem. E o tempo passando.  Aos 47’, o último susto: Timbó bateu de dentro da grande área baiana, mas a bola foi nos braços de Ronaldo.    

Foi só. Um grupo de torcedores rubro-negros, marcando presença, vaiou no final e pediu a saída de Chamusca. Injusto, no caso. Mas torcedor adora derrubar treinador.

*

  Destaques

  Ed Carlos  impecável na defesa, um gol de cabeça; alvissareira estreia de Fabrício, no meio campo; o primeiro tempo de Andrigo, autor de um golaço.

 No Confiança, Felipe, o camisa 10 , autor de um belo gol de falta em chutaço de longe.

   

  *

 Baianão/domingo

 O Vitória recebe no Barradão o Fluminense de Feira, os Touros do Sertão já sem grandes anseios.  O Leão quer vencer para confirmar a classificação e almeja a liderança, que é do Bahia de Feira, a melhor equipe do Campeonato Baiano, até aqui.

No mesmo domingo, o Bahia encara o Jequié, no Lomantão. Para se classificar tem de vencer o jogo e torcer por tropeços do rival rubro-negro, do Atlético de Alagoinhas ou do Vitória da Conquista. 

 

**

Nordestão

Os próximos compromissos da dupla Ba Vi:

- Sábado, dia  23, o Vitória encara o ABC (RN) em Natal.

- No domingo, 24, o Bahia recebe  o Salgueiro (PE), na Fonte Nova.

 

**