Vitória perde outra em casa e assume a vice-lanterna

         



Por Zedejesusbarreto
De uniforme novo, praticamente se despedindo do Barradão, sua casa, sua Toca, o Leão rubro-negro se deu mal na noite de sexta e levou 2 x 0 do Bragantino (SP), fazendo uma partida ruim. O torcedor vaiou a equipe e pegou no pé de alguns jogadores. Muitos passes errado, um time sem pernas e sem articulação de jogadas. Mais uma derrota em casa, a defesa mais vazada da competição, 13 gols tomados.

Resultado: o time baiano ocupa o penúltimo lugar na tabela de classificação, com apenas quatro pontos ganhos em seis rodadas. Com o resultado, o Bragantino ocupa a liderança da Série B, com 13 pontos ganhos. Pode ser ultrapassado pelo Botafogo de Ribeirão Preto (12 pontos), que ainda joga na rodada, em casa, contra o Criciúma.

*

O Braga no comando

A equipe do consórcio Red Bull/Bragantino começou o jogo como se estivesse em casa, em Bragança Paulista (a terra das linguiças) encurralando o Leão na Toca. Aos 5 minutos o goleiro Ronaldo já tinha praticado duas defesas salvadoras, o rubro-negro sem ver a cor da bola.

- Gol ! 1 x 0 Braga, aos 10 minutos. Edimar recebendo nas costas da zaga, penetrando pela esquerda e batendo forte, rasteiro, cruzado para abrir o marcador.

Só depois dos 15’ o Leão acordou, reagiu, equilibrou. Mas não consegue finalizar. Aos 23/24 minutos o time paulista fez blitze na área baiana e Ronaldo voltou a trabalhar bem.

- Gol ! 2 x 0 Braga! Aos 28’, Thiago Ribeiro acertou um chutaço da entrada da área, pela esquerda e o goleirão não chegou na bola.

O Leão sentiu, ficou perdidão em campo. Erros de passes e algumas jogadas violentas dos atletas rubro-negros, nitidamente nervosos com o placar adverso e a reação da torcida, que ecoou impaciente nas arquibancadas: “Ô, ô, ô, queremos jogador!”.

No final da primeira etapa, vaias. A equipe não se encontrou em campo.

*

O Leão voltou dos vestiários com modificação no meio-campo: O meia Rui no lugar do apoiador Leo Gomes. E com mais disposição também, marcando mais forte, chegando junto, acreditando na virada. Mas o Braga não recuou. E a partida rolou mais equilibrada, corrida.

Aos 18’, Loss trocou o apagado e vaiado Anselmo Ramon pelo veterano Neto Baiano. No Bragantino saíram Barreto e Wesley para a entrada de Pio e Bruno Tubarão.

O Vitória tinha mais a bola, a iniciativa, mas não chegava, não finalizava. O time paulista quando tinha a bola chegava tocando com mais perigo. Aos 27’, o primeiro chute do rubro-negro em gol; Rui arriscou de fora e errou o alvo. O tempo passando e o Leão não agride. O time paulista administra a vantagem.

Saiu Nickson, entrou Ìtalo no Vitória. Entrou Robertson e saiu Thiago Ribeiro no Braga.

Aos 36’, Rui enfiou para Neto Baiano na direita, nas costas da zaga paulista; o chute saiu forte mas em cima do goleiro Julio Cesar. No mais, o que se viu foi um Leão sem pernas e o Bragantino trocando passes, gastando tempo. O torcedor desesperado, indignado, vaiou no final.

*

Destaques

Salvaram-se na equipe da casa o garoto Ruan Levine, o mais arisco e Rui, que entrou na segunda etapa. Uma equipe desarrumada e sem padrão de jogo.

No Bragantino, o conjunto, uma equipe bem treinada por Zago, que fez os gols e soube garantir o resultado na casa do adversário.

*

Ficha Técnica

Vitória – Ronaldo, Dudu Vieira, Éverton Sena, Zé Ivaldo e Capa; Leo Gomes, Gabriel Bispo, Marciel e Nickson; Ruan Levine e Anselmo Ramon . Treinador, Osmar Loss.

Bragantino/Red Bull – Julio Cesar, Aderlan, Ligger, Leo Ortiz e Edimar; Uillian Correia, Barreto, Ítalo; Claudinho, Thiago Ribeiro e Wesley. Treinador, Antonio Carlos Zago.

No apito, Heber Roberto Lopes.

*

O Leão encerra sua participação na primeira parte da competição – que para um mês para a realização da Copa América – com dois jogos fora de casa. Pela 7ª rodada, encara o Sport, em Recife, sábado à noite, dia 8 de junho. Pela 8ª rodada, na terça-feira, dia 11 de junho, pega o Oeste, em Barueri, no interior paulista.

*

Outros jogos da noite

- São Bento 1 x 2 CRB; Figueirense 1 x 0 Atlético (GO).

 

**

Neste sábado , 1 de junho, tem pela tevê a final da Liga dos Campeões da Europa, o clássico inglês : Liverpool x Tottenham.

À noite, em Pituaçu, Bahia x Grêmio, pelo Brasileirão Série A.

**