Metrô e trens param na sexta-feira

      



O Sindiferro informou, hoje, que na próxima sexta (14/06), o Metrô de Salvador, responsável por levar cerca de 350 mil pessoas por dia, não irá funcionar. A paralisação foi aprovada, por maioria absoluta dos trabalhadores, após votação, nos dias 2 e 3 de maio deste ano, em todos os setores da CCR Metrô Bahia. Na oportunidade, 79,84% dos trabalhadores rejeitaram a contraproposta final para celebração do Acordo Coletivo de Trabalho 2019/2020. Enquanto a categoria pede reajuste salarial de 15%, a empresa oferece 3%. Os trabalhadores do setor de trens da cidade também aderiram. A greve também é em apoio a Educação e contra a Reforma da Previdência de Jair Bolsonaro.