Lula cobra pedido de desculpas de Moro pelas "mentiras desvairadas"

         



Em entrevista, Lula afirmou que ‘um dia’ Moro irá pedir desculpas à sociedade pelas ‘mentiras’ que resultaram na prisão do petista

O ex-presidente cobrou que Moro e Dallagnol entreguem seus celulares à PF, que investiga o suposto hacker

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em entrevista concedida ao portal Sul21, cobrou do ministro da Justiça, Sergio Moro, um pedido de desculpas à sociedade brasileira pelo que chamou de “mentira desvairada ao meu respeito”, em referência a sua condenação nos processos da operação Lava Jato.

Durante a entrevista, o petista buscou centralizar seus comentários nos recentes episódios de vazamentos de conversas, revelados pelo The Intercept Brasil, entre o ex-juiz e procuradores do Ministério Público Federal de Curitiba, em especial o coordenador da operação, Deltan Dallagnol.

Lula afirmou que Moro irá ‘desmilinguir’ e pediu que o ministro de Jair Bolsonaro se licencie e entregue seu celular à Polícia Federal, que investiga se os aparelhos dos procuradores e de Moro foram hackeados.

“Estamos vivendo um momento sui generis no Brasil. O Moro está se transformando em um boneco de barro. Ele vai se desmilinguir. Como Moro e a força tarefa da Lava Jato, envolvendo procuradores e delegados da Polícia Federal, inventaram uma grande mentira para tentar me colocar aqui onde estou, eles agora têm que passar a vida inteira contando dezenas e dezenas de mentiras para tentar justificar o que eles fizeram”, declarou o ex-presidente.

“O Moro deveria mostrar que é um homem decente entregando o celular dele à Polícia Federal que é subordinada a ele. O Dallagnol poderia entregar o celular dele. Enquanto está sob suspeita, o Moro poderia pedir licença do Ministério da Justiça e não ficar se escondendo atrás do cargo”, completou Lula, em outro momento da entrevista.
*Do Yahoo