A BOMBA NO CONVENTO

         



Por Henrique Ribeiro
Jogaram uma bomba no convento. Morreram várias freiras. Como era de se

esperar, elas foram
direto para o céu. São Pedro teve o dia de maior congestionamento na
porta do céu.
Tentou organizar a fila das mortas recém-chegadas. Cada freira tinha
que revelar a São Pedro seus pequenos pecados para ter entrada franca
ao céu.
A irmã Clotilde foi a primeira a ser entrevistada por São Pedro e o
mesmo perguntou:
- Irmã, você já teve algum contato com pênis?
A irmã respondeu:
- Eu sou trisquei o dedo indicador num p􀁲nis.
São Pedro determinou que a irmã se purificasse, lavando seu dedo
indicador na bacia de de água
benta.
A irmã Betânia foi a segunda e S. Pedro repetiu a mesma pergunta:
A Irmã respondeu:
- Eu acariciei um pênis com a minha mão direita.
São Pedro ordenou que a mesma purificasse sua mão direita, lavando-a
na bacia da água benta.
Logo após, houve um maior barulho na fila das freiras. Era a irmã
Deborah que furou a fila e
pediu a São Pedro pra fazer um gargarejo na bacia de água benta, antes
que a irmã Lourdinha
viesse a lavar a bunda na bacia de água benta