Hoje é dia de celebrar Santa Dulce dos Pobres

         



Salvador vive os últimos momentos de expectativa, para a primeira missa no Brasil, pela Canonização de Irmã Dulce, que acontece neste domingo (20), a partir das 12h30, na Arena Fonte Nova. Os organizadores da celebração acreditam, que 55 mil pessoas devem comparecer à cerimônia. Para garantir a comodidade dos fiéis na chegada ao estádio, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) montou um esquema especial de trânsito, que será alterado na região a partir das 10h de amanhã. As 101 paróquias e 1 diaconia que formam a arquidiocese soteropolitana se mobilizaram e estão enviando em média dois ônibus lotados para participar deste momento tão importante para os católicos.

“Nós recebemos apenas 200 ingressos e quando o frei colocou a disposição dos fiéis acabaram logo cedo, no mesmo dia. Mas resolvemos deixar com as pastorais. Foram divididos entre as nossas dez pastorais,” explica Rita de Cássia da Igreja Nossa Senhora da Luz, na Pituba.

Rita de Cássia ficou responsável pela organização dos ônibus que sairão da Paróquia amanhã com destino a Arena às 12 horas, “alugamos dois ônibus com 100 fiéis, em cada um deles. Todos sentados e de camisas azuis, para que não nos percamos. Os próprios fiéis foram responsáveis pelo rateio do aluguel. O retorno será às 19 horas.”

A organizadora ainda conta “conheci irmã Dulce há 30 anos, quando eu era diretora de escola estadual. Nós buscávamos a merenda, ela para a creche dela e nós para nossas escolas. Todo mundo falava com a freira. Uma pessoa simples sempre preocupada com os necessitados.”

Fabíola Borges é uma dessas fieis que estará nos ônibus e diz “a expectativa é grande. Uma emoção incrível. Com os ônibus nos sentiremos mais seguros. Vamos eu e meu marido e quem está sempre aqui na paróquia participando das atividades.”

Como muitos fiéis chegarão de outras cidades, a Transalvador reservou 400 vagas próximas à Arena para estacionamentos de ônibus que trarão esses devotos, a Assessoria do órgão destaca “ esses locais foram definidos como prioridade da operação pensando na segurança e no menor deslocamento do público e viabilizando a fluidez do tráfego de veículos. Cada ônibus receberá, antecipadamente, por meio das respectivas paróquias, credenciais que darão direito ao estacionamento num desses espaços. Só será permitido o desembarque e embarque de fiéis nos espaços autorizados.”

Ainda de acordo com a Transalvador, os espaços estão distribuídos da seguinte maneira: 75 vagas na Avenida Vasco da Gama, trecho do Dique do Tororó, sentido Barris; 60 vagas na Avenida Vasco da Gama, trecho do Dique do Tororó, sentido Bonocô; 20 vagas na Avenida Joana Angélica; 40 vagas no Vale de Nazaré, sentido Bonocô; 55 vagas no Vale de Nazaré, sentido Comércio; 30 vagas na Rua Djalma Dutra; 52 vagas na Bonocô, sentido Comércio; e 68 vagas no estacionamento da Arena Fonte Nova. Não serão disponibilizadas as vagas de estacionamento Zona Azul que tradicionalmente funcionam em dias de jogos na Arena Fonte Nova.

Atenção para o trânsito

A Transalvador também já divulgou para a imprensa e colocou em seu site as alterações ao redor da Arena Fonte Nova para a realização do evento deste domingo. Quem fora para a cerimônia, ou residir nas proximidades é bom ficar atento.

Um perímetro de segurança de trânsito será estabelecido, através de barreiras de trânsito fixas e móveis, a partir das 10h. A iniciativa engloba as seguintes vias: Avenida Mário Leal Ferreira (Bonocô), a partir da entrada do Ogunjá; Avenida Castelo Branco (Vale de Nazaré), a partir do acesso à Rua Marquês de Barbacena; Avenida Presidente Costa e Silva, Avenida Vasco da Gama, a partir do acesso ao Dique, sentido Djalma Dutra; Rua Professora Anfrísia Santiago e Rua Prof. Hugo Baltazar da Silveira (Ladeira da Telebahia - Jardim Baiano).

Após o estabelecimento do perímetro de segurança de trânsito, a partir das 10h, o tráfego será modificado em algumas vias. Nas avenidas Bonocô e Vale de Nazaré, a circulação ficará restrita a veículos credenciados e de transporte público, em ambos os sentidos. Na Avenida Vasco da Gama (trecho do Dique), no sentido Bonocô, a circulação ficará restrita a veículos credenciados e de transporte público, até a chegada dos ônibus para estacionamento.

A partir das 18h será organizada uma fila de táxi no lado direito, iniciando em frente a Ladeira do Pepino. No Dique do Tororó, sentido Barris, o tráfego será totalmente interditado para acomodação dos ônibus no lado direito da via. Haverá interdição total da Ladeira da Fonte das Pedras. Na parte baixa da Ladeira dos Galés (parte baixa) será feito o desvio do tráfego para Rua Djalma Dutra e Ladeira de Nazaré.

Será montada uma barreira seletiva no Campo da Pólvora/Rua do Carro, para disciplinar o fluxo de veículos para o Jardim Baiano. Na Avenida Joana Angélica, sentido Centro, haverá restrição de circulação no trecho entre o Sesc e o Convento do Desterro, em função do estacionamento dos ônibus e ponto de táxi.

Na Rua Professora Anfrísia Santiago será proibido o estacionamento de veículos, para acesso de um público específico. Haverá barreira fixa no acesso para Ladeira da Fonte das Pedras, ficando o tráfego em sentido duplo para acesso e saída através da Rua Professor Hugo Baltazar da Silveira. Na Avenida Joana Angélica, sentido Nazaré, e a partir do Campo da Pólvora, sentido Centro, o tráfego não será alterado.

Itinerário de transporte Público alterado

Quem optar por ir a celebração de transporte público também perceberá alterações. De acordo com a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob), haverá alterações de itinerário no domingo (20) das linhas de ônibus que operam na região, em consequência das interdições que serão realizadas pela Transalvador.

Além disso, a Semob irá prolongar o atendimento de sete linhas até a 0h: Ribeira x Lapa (0216), Base Naval/Escola de Menores x Lapa (1604), Alto de Santa Terezinha x Lapa (1627), Sussuarana x Lapa (1225), Sete de Abril x Lapa (1334), Estação Pirajá x Castelo Branco (1366) e Vila 2 de Julho/Barra/Trobogy x Lapa (1302). Para melhorar o atendimento dos fiéis, serão disponibilizados 15 veículos da frota reguladora para as Estações da Lapa, Pirajá, Mussurunga e Acesso Norte, das 16h a 0h. Esses veículos estarão à disposição da fiscalização.

Quem optar por Táxi através do aplicativo Táxi Mobi, eles estarão operando com bandeira 1 e 25% de desconto. Além disso, terão dois pontos de táxi no entorno da Arena. Os pontos estarão localizados defronte o supermercado Bom Preço, ao lado do Convento Desterro, e o outro em frente ao Restaurante Porteira, lado direito da via.

Quem preferir utilizar o serviço de mototáxis , pode utilizar o serviço credenciado nos pontos localizados defronte ao supermercado Bom Preço, ao lado do Convento Desterro e no Posto de Combustível sentido Bonocô.

Com a interdição das vias Alça de ligação da Avenida Bonocô, Avenida Presidente Costa e Silva (Dique) e Ladeira da Fonte das Pedras, as linhas que passam por essa região terão seus itinerários modificados. Os ônibus com origem na Avenida Mário Leal Ferreira (Bonocô) e destino à Estação da Lapa, via Dique, deverão seguir pela Bonocô, Avenida General Graça Lessa (Ogunjá), Avenida Vasco da Gama, Rótula dos Barris e Estação da Lapa, seguindo daí seu itinerário normal.

Já as linhas que partem da Estação da Lapa com destino à Avenida Bonocô vão seguir pela Avenida Vasco da Gama, Avenida Vale do Ogunjá, passando pela Avenida Bonocô, depois seguindo o itinerário normal. Os ônibus que têm como destino a Rua Djalma Dutra deverão acessar o Aquidabã, Avenida Sete Portas e, depois, o itinerário normal.

As linhas com origem no Comércio/Túnel Américo Simas e destino à Estação da Lapa, via Dique, terão como alternativa de itinerário o Túnel Américo Simas, passando pela Avenida Presidente Castelo Branco (Vale de Nazaré), Avenida Bonocô, Avenida Vale do Ogunjá, Avenida Vasco da Gama, Rótula dos Barris e Estação da Lapa. Depois, seguem o itinerário normal.

Os ônibus com origem Largo das Sete Portas com destino à Estação da Lapa, via Dique, deverão seguir pelo Largo das Sete Portas, passando pela Avenida Vale de Nazaré, Avenida Bonocô, Avenida Vale do Ogunjá, Avenida Vasco da Gama, Rótula dos Barris e, depois, Estação da Lapa.

Cidade está iluminada e decorada com temática dedicada a Santa Dulce

Diversos pontos turísticos ganharam peças temáticas luminosas em homenagem à Santa Dulce, desde a semana passada para a sua canonização no Vaticano no último domingo (13). A Diretoria de Iluminação Pública (Dsip), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), instalou 20 enfeites em LED que foram fixados em postes, além de uma arcada de nove metros de altura, que foi colocada em frente à Arena Fonte Nova.

As peças luminosas medem dois metros de altura e trazem a silhueta de Irmã Dulce abraçando uma criança. Duas unidades estão instaladas no Farol da Barra, duas estão localizadas na parte de cima da Colina Sagrada, no Bonfim, e mais duas no Largo de Roma.

Dois enfeites também podem ser vistos na Praça Thomé de Souza, no Centro, e mais dois no Terreiro de Jesus. Além disso, 11 decorações, incluindo a arcada, ficam espalhadas no entorno da Fonte Nova, em locais como Ladeira da Fonte das Pedras e Dique do Tororó.

De acordo com a assessoria de comunicação da SEMOP, a decoração especial vai permanecer até o dia 6 de janeiro, de 2020, nas comemorações do dia de Reis.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) vai disponibilizar duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu 192), sendo uma de suporte básico de vida e outra de suporte avançado, para possíveis atendimentos na região da Fonte Nova. Além disso, duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), situadas nos bairros de Brotas e dos Barris, funcionarão como retaguarda para receber possíveis ocorrências provenientes da celebração.

Outras 41 unidades do Samu 192, ambulanchas – veículos aquáticos de atendimento de urgência -, e motolâncias funcionarão normalmente, também prestando assistência para os chamados em toda a cidade.

Na proteção ao patrimônio público, a Guarda Civil Municipal (GCM) realiza o patrulhamento preventivo no local desde a terça-feira (15). No domingo, viaturas vão realizar rondas e prestar apoio às barreiras de trânsito instaladas pela Transalvador, bem como à fiscalização e ao ordenamento da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

Atrações especiais para quem for a missa

O evento contará com apresentações musicais, espetáculo teatral e missa presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger. Entre as atrações, destaque para a participação dos cantores e Embaixadores de Irmã Dulce, Margareth Menezes, Waldonys, Saulo, Tuca Fernandes e Padre Antônio Maria durante a encenação do espetáculo “Império de Amor”.

A peça vai levar ao palco quase 700 atores, sendo 482 crianças e adolescentes do Centro Educacional Santo Antônio (CESA) – núcleo de educação das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), além de idosos, moradores e pacientes da instituição. Juntos eles vão contar a história do Anjo Bom da Bahia com números de teatro, dança e música. A programação terá também a participação dos cantores Adelmário Coelho, Targino Gondim e do tenor Thiago Arancam.

Os ingressos para a celebração na Arena Fonte Nova já estão esgotados e foram distribuídos, gratuitamente, através das paróquias da Arquidiocese de Salvador. Somente pessoas com ingresso terão acesso ao evento, incluindo crianças a partir de 2 anos.

Remetendo ao Amar e Servir de Irmã Dulce, os ingressos para a celebração do dia 20 de outubro trarão ainda um nobre convite à solidariedade. É que no verso do cartão de entrada o público irá encontrar os dados bancários para quem quiser contribuir com a campanha de reforma e modernização da Unidade de Oftalmologia da OSID – Banco Bradesco (237) / Agência: 2864-9 (Bradesco Empresas) / Conta Corrente: 11.136-8 / Razão Social: Associação Obras Sociais Irmã Dulce / CNPJ: 15.178.551/0001-17.

O recurso arrecadado será direcionado tanto à reforma do espaço físico, que passará a ocupar uma área de 400 metros quadrados, quanto à aquisição de mobiliário. De acordo com Lucrécia Savernini, gestora de Saúde da instituição, são atendidos atualmente nessa unidade cerca de 1.600 pacientes por mês. “Com a requalificação, sua capacidade de atendimento ambulatorial e em pequenos procedimentos será ampliada em 20%, ajudando a reduzir a fila de espera.

Irmã Dulce foi canonizada no último dia 13 de outubro, em cerimônia na Praça São Pedro (Vaticano), presidida pelo Papa Francisco. A freira baiana, que dedicou sua vida ao pobre, ao doente, ao mais necessitado, passa agora a ser chamada de Santa Dulce dos Pobres e tem como data litúrgica o dia 13 de agosto. A religiosa, conhecida como o Anjo Bom da Bahia, se tornou a primeira santa de nosso tempo nascida no Brasil e sua canonização foi a terceira mais rápida da história (27 anos após seu falecimento), atrás apenas do Papa João Paulo II (9 anos após sua morte) e de Madre Teresa de Calcutá (19) anos após o falecimento da religiosa).

Orientações

Para aproveitar a celebração com saúde e segurança, a organização do evento vem divulgando algumas importantes orientações para o público que for para a Arena Fonte Nova. Entre as dicas, está o cuidado com a alimentação, como os portões serão abertos ao meio dia, o ideal é aproveitar esse tempo para tomar um café reforçado, com muitas frutas. Já no almoço, o caminho é evitar comidas gordurosas. Por se tratar de um horário bastante quente, o consumo de alimentos dessa natureza pode provocar mal-estar.

Vale lembrar também que alimentos e bebidas não podem ser levados para a Fonte Nova , mas podem ser adquiridos no estádio.

Outra valiosa recomendação é beber bastante água. Como a previsão do tempo para o dia é de sol, é natural que o organismo desidrate mais rápido. É importante ressaltar que não é recomendado fazer uso de bebidas alcoólicas no dia ou um dia antes da celebração, para evitar justamente problemas com a saúde. Destaque ainda para o uso de roupas leves e claras para evitar o excesso de calor.

Optar também por sapatos confortáveis, evitando os calçados novos, que podem provocar calos e bolhas. O excesso de sol também pode causar desidratação ou queimaduras na pele. Portanto, a orientação é usar óculos escuros, chapéus, boné, se possível com proteção UVA/UVB. É fundamental o uso de protetor solar ou filtro solar, com um fator de proteção 30, no mínimo, que deve ser reaplicado a cada 2horas. Não usar bronzeador em hipótese alguma.

Para pessoas que fazem uso regular de alguma medicação, é importantíssimo seguir com ouso habitual do medicamento. Caso a pessoa seja diabética ou portadora de alguma doença que possa provocar epilepsia ou convulsão, é fundamental carregar na sua bolsa ou carteira algo que identifique essas patologias. Jamais deixe de tomar o seu medicamento de forma regular. No caso das crianças, antes de sair de casa, é importante que a família faça uma etiqueta, crachá ou pulseira com o nome dos pais, endereço, telefone e alergias, que possa ficar fixa na roupa do pequeno. As orientações com relação as roupas, exposição ao sol, alimentação e hidratação se aplicam a qualquer idade. O evento contará com uma estrutura de saúde para atendimento ao público em caso de urgências.

Objetos proibidos

O portador do ingresso será submetido a inspeções e revistas corporais. Os objetos não autorizados serão descartados: Vasilhames, copos de vidro ou qualquer outro tipo de embalagem contendo bebidas ou refrigerantes de qualquer natureza que, direta ou indiretamente possam provocar ferimentos; Objetos de vidro, plástico ou metal como perfumes e cosméticos; Substâncias tóxicas; Fogos de artifício e de estampido; Inflamáveis em geral; Armas de fogo ou armas brancas de qualquer tipo; Hastes de selfie; Guarda-chuvas de qualquer tamanho; Papel em rolo, jornais, revistas, bandeiras e faixas com mastro; Capacetes de motos ou similares; Correntes, cinturões e pingentes; Alimentos: apenas permitidos alimentos industrializados, com a embalagem lacrada originalmente como salgadinhos e bolachas. Frutas, apenas cortadas; Máquinas fotográficas profissionais com lentes intercambiáveis; Filmadoras; Roupas e acessórios com formatos e partes pontiagudas que possam machucar e causar lesões.
*Da Tribuna