Bahia tem 3.171 novos casos de Covid-19 em 24h; nº de mortes chega a 2.050

         



A Bahia registrou entre sexta e sábado (4), 3.171 novos casos de Covid-19 e 49 novas mortes, segundo aponta o boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), no final da tarde de ontem. O número total de casos na Bahia chega a 85.485 e o de mortes a 2.050.

De acordo com os dados da secretaria, os números deste sábado revelam uma taxa de crescimento de 3,9% nos novos casos da doença, e de 2,4% no número de mortes causadas pela Covid-19 no estado.

O boletim deste sábado também registrou 2.173 novas pessoas recuperadas da Covid-19 (taxa de +4,0%). A Sesab informou que, dos 85.485 casos confirmados desde o início da pandemia, 57.160 já são considerados recuperados e 26.275 estão ativos.

As confirmações ocorreram em 391 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (45,28%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Itajuípe (2.093,60), Gandu (2.024,50), Ipiaú (1.706,89), Uruçuca (1.491,30) e Itabuna (1.384,94).

A Sesab informou que, até agora, 178.994 casos foram descartados e 87.812 estão em investigação. Os dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h deste sábado.

Na Bahia, 9.699 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim completo está disponível no site da Sesab.

Taxa de ocupação

Na Bahia, dos 2.283 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.500 têm pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 66%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 913 leitos exclusivos para o coronavírus, 732 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 80%.

A Sesab ressaltou que número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

Mortes

A Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) detalhou as últimas mortes provocadas pelo novo coronavírus no estado:

2002º óbito – mulher, 75 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e doença renal crônica. Internada dia 15/06, foi a óbito dia 16/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2003º óbito – homem, 74 anos, residente em Itaberaba, portador de hipertensão arterial, diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internado dia 01/07, foi a óbito dia 02/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2004º óbito – homem, 82 anos, residente em João Dourado, portador de doença cardiovascular. Internado dia 21/06, foi a óbito dia 27/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2005º óbito – mulher, 66 anos, residente em Porto Seguro, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e obesidade. Internada dia 15/06, foi a óbito dia 02/06, em hospital da rede pública, em Porto Seguro;

2006º óbito – mulher, 65 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internada dia 22/06, foi a óbito dia 02/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2007º óbito – mulher, 90 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, doença cardiovascular e doenças do sistema nervoso. Internada dia 11/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede particular, em Salvador;

2008º óbito – homem, 38 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e doença cardiovascular. Internado dia 13/06, foi a óbito dia 16/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2009º óbito – homem, 81 anos, residente em Feira de Santana, portador de doença cardiovascular. Internado dia 05/06, foi a óbito dia 16/06, em hospital da rede pública, em Feira de Santana;

2010º óbito – homem, 44 anos, residente em Feira de Santana, sem comorbidades. Internado dia 09/06, foi a óbito dia 15/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2011º óbito – homem, 77 anos, residente em Feira de Santana, portador de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença cardiovascular e neoplasias. Internado dia 16/06, foi a óbito dia 22/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2012º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial diabetes mellitus, doença renal crônica e doença cardiovascular. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2013º óbito – homem, 79 anos, residente em Eunápolis, portador de diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internado dia 20/06, foi a óbito dia 21/06, em hospital da rede pública, em Eunápolis;

2014º óbito – homem, 75 anos, residente em Irecê, portador de doença respiratória crônica. Internado dia 11/06, foi a óbito dia 12/06, em hospital da rede pública, em Irecê;

2015º óbito – mulher, 88 anos, residente em Jequié, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 20/06, foi a óbito dia 03/07, em hospital da rede pública, em Jequié;

2016º óbito – mulher, 81 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular. Internada dia 02/06, foi a óbito dia 25/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2017º óbito – mulher, 75 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus, doença renal crônica e doença cardiovascular. Internada dia 19/06, foi a óbito dia 24/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2018º óbito – mulher, 74 anos, residente em Salvador, portadora de doença cardiovascular e hipertensão arterial. Internada dia 21/06, foi a óbito dia 22/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2019º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular e neoplasias. Internada dia 29/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2020º – homem, 66 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internado dia 14/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2021º óbito – mulher, 65 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, foi internada dia 30/06 e foi a óbito dia 02/07, em unidade da rede pública, em Salvador;

2022º óbito – home, 83 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 01/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

2023º óbito – home, 75 anos, residente em Jequié, portador de tabagismo, foi internado dia 25/06 e foi a óbito dia 03/07, em unidade da rede pública, em Jequié;

2024º óbito – mulher, 47 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e obesidade, foi internada dia 24/06 e foi a óbito dia 29/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

2025º óbito – homem, 67 anos, residente em Itabuna, sem comorbidades, foi internado dia 04/06 e foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2026º óbito – mulher, 72 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes, doença cardiovascular e doença respiratória crônica, foi internada dia 21/06 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

2027º óbito – homem, 92 anos, residente em Itabuna, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2028º óbito – homem, 47 anos, residente em Itabuna, portador de obesidade, data de admissão não informada, foi a óbito dia 02/07, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2029º óbito – homem, 40 anos, residente em Mucuri, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 03/07, em unidade da rede pública, em Vitória da Conquista;

2030º óbito – homem, 74 anos, residente em Salvador, portador de diabetes e doença cardiovascular, foi internado dia 01/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

2031º óbito – mulher, 64 anos, residente em Teixeira de Freitas, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 02/07, em unidade da rede pública, em Teixeira de Freitas;

2032º óbito – mulher, 70 anos, residente em Itabuna, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 30/06, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2033º óbito – mulher, 58 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes e doença renal crônica, foi internada dia 19/06 e foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

2034º óbito – mulher, 88 anos, residente em Itabuna, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 01/07, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2035º óbito – homem, 47 anos, residente em Ilhéus, portador de hipertensão arterial e obesidade, foi internado dia 12/06 e foi a óbito dia 13/06, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2036º óbito – homem, 67 anos, residente em Buerarema, sem informação de comorbidades, foi internado dia 22/06 e foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede pública, em Itabuna;

2037º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, foi internado dia 25/05 e foi a óbito dia 07/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

2038º óbito – homem, 71 anos, residente em São Gonçalo dos Campos, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 01/07 e foi a óbito na mesma data (01/07), em unidade da rede pública, em São Gonçalo dos Campos;

2039º óbito- mulher, 90 anos, residente em Camacan, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 19/06, em unidade da rede privada, em Ilhéus;

2040º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 04/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

2041º óbito – homem, 59 anos, residente em Teixeira de Freitas, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 16/06 e foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Teixeira de Freitas;

2042º óbito – mulher, 60 anos, residente em Buerarema, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 29/06, em hospital filantrópico, em Itabuna;

2043º óbito – homem, 90 anos, residente em Salvador, portador de doença hepática. Internado dia 11/06, foi a óbito dia 127/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2044º óbito – homem, 38 anos, residente em Lauro de Freitas, portador de obesidade. Internado dia 23/06, foi a óbito dia 29/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2045º óbito – homem, 75 anos, residente em Simões Filho, portador de hipertensão arterial. Internado dia 21/05, foi a óbito dia 05/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2046º óbito – mulher, 89 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, demências, incluindo Alzheimer. Internada dia 05/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2047º óbito – homem, 77 anos, residente em Simões Filho, portador de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internado dia 22/05, foi a óbito dia 24/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

2048º óbito – mulher, 95 anos, residente em Salvador, sem informações acerca de comorbidades. Internada dia 03/05, foi a óbito dia 15/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

2049º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e obesidade. Internado dia 10/06, foi a óbito dia 21/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2050º óbito – mulher, 29 anos, residente em Petrolina (Pernambuco), portadora de doença do sistema nervoso. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 21/06, em hospital da rede pública, em Juazeiro.