Parceria entre Secti e Uneb potencializa Parque Tecnológico da Bahia

         



Um espaço cada vez mais preparado para receber novas startups e pequenas empresas com ideias inovadoras. Esse é um dos objetivos da parceria, assinada pela secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Adélia Pinheiro, e o reitor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), José Bites de Carvalho, potencializando ações no Parque Tecnológico. O termo do acordo torna a Agência de Inovação da Uneb (AUI) a nova responsável, nos próximos 3 anos, pelo Espaço Fortalecer, que cuida da incubação de futuras empresas que possuam interesse em residir no Parque. Além disso, o ambiente de coworking, conhecido como Espaço Colaborar, também será regido pela AUI, nos próximos 12 meses, que, junto à Secti, passará a assumir a gestão operacional do espaço colaborativo voltado para empreendedores com foco em tecnologia.

Para a secretária da Secti, Adélia Pinheiro, ter uma universidade como a Uneb, que está presente em toda a Bahia, como parceira é algo que merece ser celebrado. “O Parque é um ambiente de inovação e pesquisa, onde coexistem empresas, institutos e demais instituições. A chegada da Uneb nos orgulha por saber que ela se junta a outros polos importantes instalados no nosso Parque, como o Cidacs, da Fiocruz, o Polo de Inovação, do Ifba, além de diversas empresas das áreas de TI. Com essa parceria, damos mais um passo importante no apoio às startups e às mentes criativas do nosso estado”, disse, destacando que “a gestão da Uneb será voltada para dois espaços inseridos em nossa política de inovação, o Fortalecer, que apoia startups em todas as suas fases de vida, e outro que abre portas para o desenvolvimento de pequenos negócios, o Colaborar”.

Já o coordenador da AUI, José Gileá, que também assinou o termo de parceria, reitera a importância de um espaço como o Parque Tecnológico para a comunidade acadêmica. “Espaços como esse permitirão que a Agência Uneb de Inovação fomente e disponibilize para a comunidade de pesquisadores e empreendedores da universidade uma infraestrutura para desenvolvimento de projetos inovadores, que envolvam tecnologias avançadas com temáticas variadas como: tecnologias na saúde, games, animação, robótica, internet das coisas, smart cities e tecnologias imersivas”, destaca.

O reitor da Uneb, José Bites de Carvalho, destacou a importância do acordo firmado com a Secti. "Esse convênio é muito importante para a Política de Inovação da UNEB, que pretende ampliar e consolidar parcerias para o desenvolvimento de tecnologias em várias áreas, além de reforçar a missão institucional de atuar no processo de desenvolvimento do estado da Bahia, através da produção e socialização do conhecimento", enfatizou.

Espaço Colaborar

O Espaço Colaborar é compartilhado para oferecer um ambiente dinamizador coletivo, destinado a integrar seus usuários, em sua maioria profissionais liberais, empreendedores, pesquisadores e usuários independentes. Dentro de um novo modelo de inclusão sociodigital produtiva, o local busca proporcionar o desenvolvimento de práticas que envolvem colaboração, cooperação e dinâmicas de cunho coletivo.

Espaço Fortalecer

O Espaço Fortalecer tem como finalidade o estímulo ao empreendedorismo na Bahia, através da gestão, operação e expansão das atividades em incubadoras de base tecnológica no Estado. O Espaço é responsável pelas organizações que abrigam novos empreendimentos, geralmente oriundos de pesquisa científica, cujo projeto implica soluções inovadoras.