VITÓRIA EMPATA COM JUVENTUDE NO FRIO DE CAXIAS DO SUL

         



Por Zédejesusbarreto
Num duelo bem equilibrado, o Rubro-Negro baiano conseguiu um bom empate ( 1 x 1 ), contra o Juventude, no Alfredo Jaconi, em Caxias (RS) a uma  temperatura de 5 graus na Serra Gaúcha. Mas o jogo foi corrido, quente, com emoção e lances de área até o final. O Leão correu muito e teve bons momentos na partida. Mas errou muita saída de bola defensiva e o placar terminou justo.

*

Com bola rolando

 O rubro-negro com o meio campo bem povoado, marcando em cima, saindo em bloco, e o Juventude tomando a iniciativa. Assim começou, ações equilibradas, até que ...

- Gol ! 1 x 0 Juventude, aos 22 minutos. Bola cruzada da direita, rasteira, Fernando Neto atrapalhou-se com Leandro Silva e a bola sobrou na frente da pequena área para o bico do esperto Bruno Lopes, de cara, abrindo o placar. Bobeira.

 Aos 25, outro vacilo. Rend esqueceu a bola, na frente da grande área, Dalberto esperto  tomou, invadiu e bateu cruzado para a espalmada de Ronaldo, salvando. Aos 29’, Leandro Silva sentiu-se mal e deixou o gramado, substituído por Bocão.

  O Leão mudou a postura, adiantou suas linhas e tentou pressionar, empurrando o adversário pra trás. Os gaúchos se resguardaram mais, optando pelo contragolpe, esperando mais um erro da defensiva visitante. Aos 35’, Magrão achou um rebote pela esquerda, bateu de prima, na arriada, mas errou o alvo. Aos 41’, Magrão bateu escanteio da direita e quase faz um gol olímpico; o goleirão Carné salvou de tapa. Aos 43’, Capixaba levou pela direita e disparou para a ótima intervenção de Ronaldo, escanteando.

  O Juventude teve melhores momentos na primeira etapa, mas o Vitória equilibrou e foi pra cima depois que levou o gol. Indefinido.

*

  O Rubro-negro voltou dos vestiários decidido a tirar a diferença no placar, apertando a marcação mais na frente. O Juventude tentava também surpreender marcando pressão na saída de jogo defensiva dos visitantes. Nenhum predomínio. Disputa aberta.

  Aos 8’, Marcelinho aproveitou um rebote na meia lua, livre e tentou de primeira mas errou por muito, pegou mal na pelota. Aos 9’, os gaúchos entraram tabelando pela esquerda e Bochecha acertou a rede, por fora, assustando.  Aos 13, numa falta alçada por Marcelinho, da direita, Wallace testou no canto, mas Carné, espalmou. O Leão mais próximo da área inimiga.

  - Gol ! 1 x 1, Vico, aos 17 minutos. Marcelinho fez ótimo lançamento nas costas da zaga gaúcha, Vico, mais rápido, dominou bem e deslocou o goleiro, que saia. Belo gol, empatando, no melhor momento do Leão até então.

  Aos 22’, Cajá bateu falta de longe e Ronaldo defendeu em dois tempos, quase ela entrou. Susto! O treinador Pivetti, buscando o primeiro triunfo fora de casa, trocou Vico e Magrão por Mateuzinho e Rodrigo Carioca. Querendo mais. O time da casa mais lento, menos incisivo. O técnico Pintado fez substituições, tentando retomar o controle do jogo.

  Aos 44’, após boa trama do Juventude, a bola sobrou limpa na área para Marciel que perdeu chance de frente, bateu pra fora. Algumas boas chances, lá e cá, num jogo corrido e disputado até o final.  Empate justo.

*

 Destaques

 No Vitória, Marcelinho e Vico, autores do gol.  O time inteiro correu muito e mostrou vontade.

 No time gaúcho, Breno Lopes, autor do gol, Wagner e Capixaba. Lembrando que, em função de estar na disputa da Copa do Brasil, o Juventude poupou alguns titulares.

*

Escalações

- Juventude : Carné, Igor, Wellington , Nery e Breno Lopes (Marciel); J Paulo (Gabriel Novaes), Bochecha, Eltinho e Wagner (Cajá); Dalberto e Capixaba (Rafael).  Treinador, Pintado.

- Vitória : Ronaldo, Leandro Silva, João Vitor, Wallace e Rafael Carioca; Rend (Jean), F.Neto, Magrão e Marcelinho; Vico (Mateuzinho) e Leo Ceará (Caicedo). Treinador, Bruno Pivetti.

 Arbitragem mineira, Wanderson Alves de Souza no apito.

*

 O próximo jogo do Leão baiano será no dia 26, um sábado à tarde, de volta ao Barradão, contra o Oeste.  

**

 No outro jogo da rodada, na segunda, Paraná  2 x 0 CRB.  

 - O Paraná lidera, com 20 pontos, seguido da Ponte Preta e América (MG) com 17. O Juventude subiu para 16 pontos e o Leão chegou a 14, mantendo-se na oitava posição.

**

Série A

O Bahia, na beira do fosso, joga na quarta-feira à noite contra o também combalido Corínthians, em São Paulo. Ambos com apenas 9 pontos ganhos, na boca do Z - 4.

**

 

Foto: EC Juventude