Mercosul e Unijorge firmam convênio de cooperação internacional

         



Fomentar o desenvolvimento cultural, científico, educacional, político e econômico do Brasil, principalmente da Bahia, através do intercâmbio de conhecimento e experiências internacionais. Esse é o propósito do convênio de cooperação institucional e acadêmica que acaba de ser firmado entre a Unijorge e o Mercado Comum do Sul (Mercosul). O convênio firmado entre a instituição e o bloco econômico terá duração de três anos e propõe, entre outras ações, cooperação que prevê a realização de eventos acadêmicos, pesquisas e a criação de um programa de estágios para seus estudantes de todos os cursos de graduação e pós-graduação. O coordenador e professor do curso de bacharelado em Relações Internacionais da Unijorge, Matheus Souza, responsável pelas tratativas para assinatura do convênio destaca que, “o Mercosul sempre foi importante para o Brasil, e é fundamental que faça parte das estratégias baianas de internacionalização nos próximos anos. A Unijorge e o Mercosul buscarão contribuir para que atores locais aproveitem oportunidades e tratem de outros temas – registre-se a existência do Instituto Social e do Instituto de Políticas Públicas de Direitos Humanos do Bloco”.