Sesab rebate fake de médica e garante que infectados por Covid têm que tomar 2 doses da vacina

         



A Sesab rebateu hoje, 4, uma médica de Porto Seguro "orientou", segundo a secteraia, a população de forma errada, indo de encontro aos protocolos científicos. A Sesab explicou - ao contrário da médica - que infectados por Covid têm, sim, de tomar 2 doses da vacina.

A médica e secretária de Saúde de Porto Seguro, Raissa Soares, passou informação falsa segundo a Sesab. A Sesab rebateu dizendo que todos os pacientes que tiveram o diagnóstico positivo para a Covid-19 devem se vacinar com as duas doses da vacina, sendo a primeira dose após 30 dias a partir do início dos sintomas da Covid-19 ou da data de coleta da primeira amostra de RT-PCR positiva para Sars-CoV-2. Esta é a orientação das autoridades sanitárias federal e estadual.

A imunidade natural (provocada por doença) não possui um tempo exato de permanência, logo é preciso fazer o esquema vacinal em duas doses.

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) esclarece a situação em virtude de um vídeo que a médica e secretária de Saúde de Porto Seguro, Raissa Soares, orienta equivocadamente a população.

Ela, a secretária, diz que “quem teve Covid só deve tomar uma dose da vacina. Eu tenho visto pessoas que já tiveram Covid tomando as duas doses. Fica o alerta, que é uma recomendação, que quando as vacinas chegam pra nós, com uma orientação por escrito, como se fosse as bula das caixinhas. E a recomendação da Sesab, aqui da Bahia, tem orientado e acredito que seja uma orientação federal, é que quem já teve Covid já estimulou o sistema imunológico uma vez. Toma.uma dose da vacina, não toma duas”. A entrevista foi dada ao repórter Fernando Beteti.

Outras informações dão conta que essa médica foi foi demitida pelo governador Rui Costa, em Porto Seguro (BA), ano passado, após gravar vídeo pedindo a Bolsonaro que mandasse cloroquina para seu município.