Prefeitura de Ilhéus avalia projeto para implantação do ensino fundamental em tempo integral

         



A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Seduc), avalia o projeto para implantação do ensino em tempo integral no Centro Educativo Fé e Alegria, localizado no bairro Nossa Senhora da Vitória. Durante reunião realizada na terça-feira (30), o prefeito Mário Alexandre ressaltou a importância da proposta apresentada pela Fundação Fé e Alegria do Brasil, que tem o objetivo de combater a evasão escolar, além de melhorar o índice da educação básica em Ilhéus.

"Não existe cidade próspera sem educação. Mesmo com as dificuldades impostas pela pandemia, podemos ver que o nosso município continua na rota do crescimento. A parceria com a entidade Fé e Alegria já existe, mas agora vamos ampliar, colocando grande parte dos alunos que moram no Nossa Senhora da Vitória e no sul da cidade em aula de regime integral. Já oferecemos vagas do 1º ao 5º ano. Com esse projeto, teremos o ensino do 6º ao 9º ano. Isso, sem dúvida, é um grande avanço para Ilhéus".

De acordo com a titular da Seduc, Eliane Oliveira, após a elaboração da estrutura pedagógica e curricular, será analisado o aspecto jurídico do projeto para a sua execução legal. "A Fundação Fé e Alegria já é nossa parceria. Temos 480 alunos matriculados na unidade e por meio desse novo convênio iremos ampliar o número de estudantes para 960", explicou.

Antônio Tabosa Gomes, diretor da entidade, destacou que a ideia está baseada nas propostas contidas no plano de governo para o mandato 2021-2024, voltadas à área da educação. "Em parceria com a Prefeitura, queremos oferecer um ensino de qualidade para as crianças e os jovens do município". Com a ampliação para o Fundamental 2, o Centro Educativo Fé e Alegria ofertará turmas do 1º ao 5º ano (Anos Iniciais) e do 6º ao 9º Ano (Anos Finais).