Aberto ao público, webinar reúne especialistas para discutir a Reforma Administrativa (PEC 32)

         



Com moderação da procuradora Cristiane Guimarães, presidente da Associação dos Procuradores do Estado da Bahia (APEB), acontece nesta segunda-feira, dia 24, às 18 horas, um webinar sobre a Reforma Administrativa (PEC 32), atualmente em trâmite no Congresso Nacional. Entre os palestrantes convidados estão Fabrizio Pieroni (Associação dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal - ANAPE), Pedro Pontual (Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental - ANESP), José Celso Cardoso Jr (Associação dos Servidores do Ipea e Sindicato Nacional dos Servidores do Ipea - Afipea/Sindical) e Miguel Calmon Dantas (APEB). Como especialistas no assunto, eles vão debater temas como estabilidade, desconstitucionalização e novos princípios, acesso ao serviço público, concursos, cargos e contratos de gestão.


Haverá transmissão simultânea pelos canais da Associação dos Gestores Governamentais do Estado da Bahia (AGGEB), da Associação dos Procuradores do Estado da Bahia (APEB) e do Instituto dos Auditores Fiscais do Estado da Bahia (IAF) no YouTube. A iniciativa da reunião é do coletivo baiano Carreiras de Estado Organizadas (CEO), que congrega seis associações representativas de carreiras típicas de Estado.

"A PEC 32 é alvo de duras críticas e vem suscitando muitas preocupações por parte do servidores públicos. Uma reforma pode abrir caminho fértil para eventuais abusos e atos de corrupção? Esta proposta segue em ataque frontal à sociedade brasileira, pois o que se espera do serviço público é este que seja realizado com eficiência por pessoas compromissadas com a coisa pública, independentemente do matiz ideológico do governo da vez", pontua a procuradora Cristiane Guimarães, que também é a segunda vice-presidente da ANAPE.

CEO

Integram o CEO a Associação dos Gestores Governamentais do Estado da Bahia (AGGEB), a Associação dos Procuradores do Estado da Bahia (APEB), a Associação do Ministério Público do Estado da Bahia (AMPEB), a Associação dos Defensores Públicos do Estado da Bahia (ADEP/BA), a Associação dos Magistrados da Bahia (AMAB) e o Instituto dos Auditores Fiscais do Estado da Bahia (IAF).