Filha de Olavo de Carvalho diz que pai está morto e hospital desmente informação





A filha do escritor Olavo de Carvalho, Heloisa de Carvalho Martin Arribas, citou que o pai de 74 anos estaria morto e que seus aliados estariam segurando a notícia para inflar as manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro que acontecerão no 7 de Setembro.

A filha do escritor Olavo de Carvalho, Heloisa de Carvalho Martin Arribas, citou que o pai de 74 anos estaria morto e que seus aliados estariam segurando a notícia para inflar as manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro que acontecerão no 7 de Setembro.
Em uma mensagem compartilhada no Twitter na tarde dessa última quarta-feira (25), a filha do escritor Olavo de Carvalho, Heloisa de Carvalho Martin Arribas, citou que o pai de 74 anos estaria morto e que seus aliados estariam “segurando a notícia” para inflar as manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que acontecerão no 7 de Setembro.

No entanto, em nota, ao portal UOL, o InCor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP) desmentiu a informação e garantiu que o bolsonarista está vivo.

Heloisa informou “não saber se era verdade“, mas que chegou até ela a informação de que o pai havia morrido: ”Não sei se é verdade, mas chegou aos meus ouvidos que o Olavo já faleceu e estão segurando a notícia para mais perto do dia 7/9 para soltar e inflar de bolsolavetes na rua. Já disse: não sei se é verdade.”, disse Heloisa de Carvalho.

Olavo de Carvalho deu entrada na unidade de emergência do InCor no final da noite do dia 9 de agosto. O escritor permanece internado após ser diagnosticado com insuficiência cardíaca e renal aguda, além de infecção sistêmica.

”Ele permanece internado com quadro clínico estável, sob cuidados supervisionados pelo Prof. Dr. José Antonio Franchini Ramires.”, informou o InCor.

O hospital disse ainda que um novo boletim médico será divulgado apenas quando Olavo tiver alta, em data “ainda não prevista“.
Do Yahoo