Dias ensolarados exigem cuidados extras com os cabelos





A alta estação ainda não chegou, mas a Primavera na nossa região já trouxe dias belíssimos e com eles a vontade de aproveitar a retomada parcial das atividades tomando banhos de sol e dando muitos mergulhos no mar ou na piscina. Porém, a tricologista e proprietária do Vergel Spa de Cabelos (@vergelspadecabelos), Domitila Daiha, alerta para os cuidados com os cabelos nesse período. “É fundamental redobrarmos a atenção para manter a saúde do couro cabeludo e a beleza dos fios”, frisa.

Muitas pessoas não adotam os mesmos cuidados que têm com a pele quando o assunto é cabelo. “É essencial usar um protetor solar específico, pois só ele é capaz de formar uma película que cobre os fios, criando uma barreira contra os raios ultravioletas”, alerta Domitila. Além disso, o uso de chapéu ou boné também é recomendável para evitar que o cabelo seja danificado ou haja inflamação no couro cabeludo.

Já no quesito hidratação, é fundamental manter uma rotina. “A exposição solar agride a cutícula dos fios, o que gera ressecamento. Logo a hidratação deve ter uma periodicidade adequada. Lembrando que ela se torna mais eficaz quando feita por um profissional que tem conhecimento acerca da aplicação/duração correta dos produtos e tratamentos”, destaca a tricologista.

Uma dica super importante é a necessidade de enxaguar os cabelos com água doce após um mergulho no mar ou na piscina. “Se não tiver um chuveiro próximo, vale recorrer para uma garrafinha de água para remover o excesso de sal, areia ou cloro, minimizando os danos que eles causam. E vamos abusar da água gelada nesse verão, pois a água quente resseca os fios e pode ser mais um agente que causa danos aos seus cabelos”, salienta Domitila Daiha.

Outro fator que merece atenção é o ressecamento da pele do couro cabeludo. Segundo a enfermeira e também tricologista Nadja Mota, os raios UV aumentam o índice de evaporação de água na pele e, a longo prazo, podem causar o envelhecimento precoce, o que afeta a capacidade da pele em manter a hidratação adequada causando a Xerose. “As consequências são bastante negativas como rigidez e tensão no couro cabeludo, aspereza, coceira e sensibilidade, podendo desencadear outras condições inflamatórias como dermatite atópica e psoríase que costumam atingir áreas localizadas de pele com xerose”, conclui.