Vitória empata com Ponte em Campinas e continua zanzando na zona





Por Zedejesusbarreto
Um torcedor rubro-negro, indignado com mais um 0 x 0 do time, bradou: “Deviam trocar o nome, de Vitória para Empate”. O Leão é o time que mais empatou na série B, até aqui. E, de empate em empate, não sai da zona de degola. No final dessa rodada, já a 32ª, o Vitória chega a 33 pontos, um ponto por rodada; terminou o jogo em 17º, mas deve cair uma casa ainda na noite desse sábado por conta do confronto entre Confiança x Londrina, colados no time baiano.

Foi um joguinho murrinha em Campinas/SP, em ritmo cadenciado, com raros lances de área. O Leão teve mais posse de bola na primeira etapa, jogo mais no campo inimigo. A Macaca foi melhor no segundo tempo, mas também não teve competência para golear. O time campineiro dorme com 38 pontos, em 15º lugar

*

Estádio Moisés Lucarelli

Tarde limpa em Campinas/SP (27 graus), um confronto de equipes de tradição que, a essa altura, brigam na zona de baixo da tabela de classificação, preocupados em não cair para a Série C, apenas. A Ponte toda de branco, o Vitória com seu padrão vermelho e preto.

*

Com bola rolando ...

A partida começou amarrada, muita marcação e cautela de parte a parte, os sistemas defensivos se impondo. O Vitória criou uma boa chance aos 10’: o cruzamento de Roberto, da esquerda, achou Bruno, livre, infiltrado na área, no meio da zaga paulista, mas o meia baiano dominou mal a bola e desperdiçou o chute. Aos 12’, a resposta da Macaca, numa cabeçada de Moisés que Lucas Arcanjo espalmou a escanteio.

- Aos 25’, Fabinho desbravou a defesa campineira e bateu forte para a rebatida do goleiro Ivan; na sequência, Wallace cruzou e David testou por cima. Jogo morno, mas o Leão chegou mais perto de abrir o placar. Aos 28’, o árbitro parou o relógio, pausa para reidratação dos atletas e instruções dos treinadores.

O tempo passava com sequência de passes errados, oportunidades desperdiçadas por falta de capricho e muitas bolas alçadas à toa para área adversária. Aos 44’, numa delas, Roberto finalizou, livre, para boa intervenção de Ivan.

Foi um primeiro tempo em ritmo de amistoso, maresia. O Leão até chegou mais, conseguiu algumas finalizações. Mas ambas as equipes precisavam fazer gols, vencer pra sair da zona de sufoco. Esperava-se, pois, um segundo tempo mais aceso, ofensivo, num ritmo mais intenso, mais vontade de vencer.

*

No vestiário, Wagner Lopes trocou o jovem Eduardo pelo rodado Fernando Neto, no meio campo. Na Ponte, entrou Fessim, aquele mesmo que passou pelo Bahia. Aos 14’, primeiro chute em gol do Leão: Fernando Neto, de longe, para defesa de Ivan. Aos 18’, Kleina pôs em campo Iago, Andre Luiz e Lucas Cândido, tentando por fogo, ganhar o jogo.

Mais equilíbrio de ações no meio campo, mas pouca criatividade ofensiva. O Vitória então vivia de poucas bolas esticadas para a velocidade de David, em contragolpes. Aos 31’, Fessim não conseguiu dominar na linha da pequena área baiana, perdendo boa chance. Aos 32’, saiu David e entrou Manoel no ataque rubro-negro.

A torcida campineira já irritada, vaiando a equipe. Aí, aos 38’, Lucas Cândido arriscou de longe, assustando; a bola raspou o ângulo do xará goleiro Lucas. Aos 42’, uma boa testada de Rodrigão, Lucas Arcanjo saltou e salvou no canto. Tentativas finais frustradas, aqui e lá, nada de gol. Enfim, mais um empate na temporada pouco produtiva do rubro-negro baiano.

*

Escalações

- Ponte Preta, a Macaca: Ivan, Kevin, Fábio Sanches, Rayan e Rafael Santos; Yago Henrique, Marcos Jr, Matheus e Richard; Rodrigão e Moisés. Treinador, Gilson Kleina.

- Vitória : Lucas Arcanjo, Raul Prata, Thalisson, Wallace e Roberto; João Pedro, Eduardo (Fernando Neto) e Bruno(Renan); Fabinho, David(Manoel) e Marcinho(Caique). Treinador, Wagner Lopes.

- Arbitragem de Alagoas, com VAR; no apito, Denis da Silva Ribeiro Serafim.

*

O próximo jogo do Leão, pela 33ª rodada, acontece na terça-feira (dia 2, feriado de finados) à tarde, 16h, contra o CSA, que tem 48 pontos, briga pra ficar entre os quatro primeiros.

*

Ainda acontece um último jogo (na noite desse sábado), fechando a 32 ª rodada, e que interessa ao torcedor do rubro-negro baiano: Confiança x Londrina, ambos brigando pra sair da zona de baixo/os quatro últimos (com 31 e 32 pontos, respectivamente).

**
Foto: Ponte Press-Álvaro Júnior