Bolsonaro mente a investidores em Dubai e diz que Amazônia ´não pega fogo`





O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) esteve em um evento com investidores na manhã desta segunda-feira (15), em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Ao falar sobre a Amazônia, Bolsonaro mentiu e disse que a floresta, “por ser úmida, não pega fogo”.

“Nós queremos que os senhores conheçam o Brasil de fato. Uma viagem e um passeio pela Amazônia é algo fantástico, até para que os senhores vejam que a nossa Amazônia, por ser uma floresta úmida, não pega fogo. Que os senhores vejam realmente o que ela tem. Com toda certeza, uma viagem inesquecível", declarou durante a abertura do “Invest in Brasil Forum”.

Essa não é a primeira vez que Bolsonaro tenta dizer que a Amazônia não pega fogo “por ser úmida”. O presidente deu uma declaração no mesmo sentido em 2020, quando discursou na ONU. A fala, no entanto, é falsa.

Ao g1, Antonio Oviedo, assessor do Instituto Sócio-Ambiental (ISA), explicou que o desmatamento mudou a característica da floresta amazônica. “Afirmar que a floresta é úmida como um todo era algo verdadeiro há 60 ou 70 anos; hoje, com 20% desmatado, isso não é mais um fato”, declarou. A Amazônia ainda é úmida em determinadas regiões, mais distantes das estradas, mas o desmatamento pode afetar também essas áreas, segundo Oviedo.

Em julho, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 5 mil focos de incêndio, enquanto em agosto foram 28 mil.

Jair Bolsonaro afirmou que os “ataques que o Brasil sofre quando se fala em Amazônia não são justos”. “Além de turismo, conhecer aquilo que seria um paraíso aqui na Terra. A Amazônia é um patrimônio, a Amazônia é brasileira. E vocês lá comprovarão isso e trarão realmente uma imagem que condiz com a realidade. Os ataques que o Brasil sofre quando se fala em Amazônia não são justos. Lá, mais de 90% daquela área está preservada, está exatamente igual quando foi descoberto no ano de 1500. A Amazônia é fantástica”, disse.
Do Yahoo