Governo da Bahia investe em obras estruturantes em Senhor do Bonfim e Monte Santo





A cidade de Senhor do Bonfim, no centro norte do estado, também conhecida pelos tradicionais festejos juninos, recebeu investimentos do Governo da Bahia em diversas áreas nos últimos anos, com destaque para os setores de infraestrutura, saúde, desenvolvimento rural e abastecimento de água que ajudaram a aumentar a qualidade de vida da população. Próximo dali, no nordeste do estado, Monte Santo, um dos palcos da Guerra de Canudos, e conhecida pelas tradições religiosas, também recebeu importantes obras e investimentos nos últimos seis anos, que ajudaram a melhorar a trafegabilidade na região, a qualidade na educação, entre outros fatores.

 
Em 2019, em Senhor do Bonfim, o governo estadual, através da Secretaria da Infraestrutura (Seinfra), entregou a primeira parte da pavimentação de 97,77 quilômetros da BA-131, no trecho que vai do entroncamento da BR-407 ao entroncamento da BR-324. A intervenção reúne um investimento total de R$ 35,6 milhões. “Essa ligação da BA-131, para quem não sabe, interliga Senhor do Bonfim e Campo Formoso à BR-324, lá junto de Jacobina. É um importante eixo que diminui todo o tráfego de quem vem da região de Irecê por Morro do Chapéu , Laje do Batata, Senhor do Bonfim, e segue daqui direto para Juazeiro e para o nordeste do Brasil”, explicou o titular da Seinfra, Marcus Cavalcanti..
 
No campo da infraestrutura, Monte Santo também recebeu melhorias nas rodovias. Em 2015, a Seinfra entregou a pavimentação em paralelepípedo da via que liga a sede ao Povoado de Pedra Vermelha, que reuniu um investimento de R$ 17,1 milhões, e está em andamento a pavimentação e restauração da BA-220, entre Monte Santo e Euclides da Cunha. A obra será realizada em 36,9 quilômetros e o investimento é de R$ 31 milhões. A previsão de conclusão é junho de 2022. “São importantíssimas obras porque melhoram todo o fluxo da região”, completou Cavalcanti.
 
Saúde
 
Recentemente, o governador Rui Costa visitou o Hospital Municipal de Monte Santo, equipamento que passou por reforma e recebeu equipamentos do Governo do Estado que totalizam R$ 1 milhão. Nos últimos quatro anos, Senhor do Bonfim ganhou também reforço na saúde com a reforma, adaptação e ampliação do Hospital Municipal Dom Antônio Monteiro, para implantação de 20 leitos de UTI, sala de raio-x e sala de tomografia. Já a Policlínica Regional com sede na cidade, que completa dois anos de funcionamento em novembro de 2021, realizou mais de 115 mil atendimentos, 10 mil ressonâncias magnéticas e 13 mil tomografias computadorizadas nesse período. Somente este ano, a unidade já atingiu a marca de 54 mil atendimentos totais e a meta é alcançar 60 mil até dezembro, contemplando cerca de 370 mil habitantes dos municípios consorciados, que incluem também Andorinha, Antônio Gonçalves, Campo Formoso, Cansanção, Filadélfia, Itiúba, Jaguarari, Nordestina, Ponto Novo, Queimadas.  
Ao todo, são 21 especialidades médicas para consultas, procedimentos e mais 13 tipos de exames. As especialidades mais procuradas são neurologia, oftalmologia, otorrino e ortopedia. Para os exames, ressonância e tomografia têm as maiores demandas. “Este projeto idealizado pelo nosso governador, com toda essa gama de especialidades e serviços, tem uma grande relevância aos 12 municípios consorciados. Os usuários podem contar com a disponibilidade das principais especialidades e procedimentos de média e alta complexidade próximo da sua residência, com o tempo médio de agendamento em seu município menor que 30 dias. Ainda disponibilizamos um transporte confortável até a policlínica, onde são acolhidos em um ambiente climatizado e humanizado”, declarou o diretor geral da unidade, Jonas Flores.
 
 
Abastecimento de água
 
Dentre as principais obras em Senhor do Bonfim, está a extensão de rede para abastecimento de água nas localidades rurais, que beneficiaram as comunidades de Rancharia, Picada, Pinicapau, Raposa, Tapuia II, Gameleira, Lagoa do Boi, Queimada Grande (Queimado), Caldeirão de Dentro, Garrote, e Limões. Os povoados de Canavieiras, Campo Comprido, Água Branca e Cariacá de Cima II, Lagoa do Peixe, de Caçador também foram beneficiados com o serviço de abastecimento de água. Os investimentos são de mais de R$ 3,8 milhões. Ainda está em andamento a ampliação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA) de Senhor do Bonfim. O serviço está orçado em R$ 3.547.230,98.
 
Em Monte Santo, em agosto de 2021, o Governo do Estado inaugurou o SIAA Tucano Noroeste, um grandioso empreendimento que chegou para suprir a demanda de abastecimento de água de 75.600 moradores das sedes dos municípios de Euclides da Cunha, Monte Santo e mais 16 localidades, onde foram investidos mais de R$ 120 milhões, dentro do Programa Águas do Sertão – Aquífero da Bacia do Tucano.  "Essa importante obra vai aproveitar o rico manancial da Bacia Sedimentar de Tucano, para levar água potável à população, promovendo saúde e melhoria da qualidade de vida na região", destacou o secretário estadual de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Leonardo Góes.
 
Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente

Na área de desenvolvimento rural, em Senhor do Bonfim, até 2019, foram investidos R$ 3.139.745,48 em convênios através do projeto Pró-Semiárido, executado pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), através da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). O Pró-Semiárido é parte integrante de um conjunto de compromissos do Estado para seguir avançando na erradicação da pobreza, levando serviços e investimentos diretamente para a população, a partir de um acordo de empréstimo firmado com o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), da Organização das Nações Unidas (ONU).

“São investimentos que oportunizam as famílias a terem opção de renda tanto no sentido da manutenção dos seus serviços e atividades como também ampliação, gerando aí essas oportunidades que vão desde a base de produção, porque os projetos implantados em Senhor do Bonfim têm na sua base assistência técnica como princípio fundamental, até os investimentos nos quintais produtivos, também nas atividades que geram renda, como a bovinocultura de leite, a caprinovinocultura, avicultura, apicultura, e tantas outras”, detalhou o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias.
 
Um dos exemplos práticos dos benefícios do projeto acontece na zona rural de Senhor do Bonfim através da Associação de Moradores do Povoado de Canavieira, que contempla também outras três comunidades. Desde 2018, os agricultores passaram a receber assistência técnica e financeira e a vivenciar os benefícios com a melhora da atividade e do escoamento da produção. São 130 famílias que passaram a viver melhor através do trabalho com mandiocultura, fruticultura, apicultura, avicultura e agora com a piscicultura.
 
 “O Pró -Semiarido veio para melhorar a vida do homem do campo e aqui ele tem feito a comunidade crescer muito. Não tínhamos qualificação técnica, nem financeira, nem conhecimento, a gente vendia o produto somente através de atravessadores. Hoje em dia, temos várias capacitações,  o entendimento e a valorização dos nossos produtos”, contou a presidente da associação, Jordânia Honório, que também destacou os ganhos pessoais por participar da iniciativa. “Melhorou 100%, o Pró-Semirárido é completo”, complementou.
 
Na área ambiental, em 2018, houve a entrega de 514 Cadastros Ambientais Rurais (CARs) em Senhor do Bonfim. O investimento realizado pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema) foi de R$ 43.180,73. Já em Monte Santo, foram entregues mil títulos de propriedade de terras aos agricultores, num investimento da ordem de R$ 660 mil.
 
Educação

Em Monte Santo, a Secretaria de Educação inaugurou, em agosto de 2021, a nova sede do Colégio Estadual do Campo de Pedra Vermelha, povoado do município. O investimento foi de aproximadamente R$ 4 milhões. A unidade de ensino atende 600 alunos do ensino médio e foi implantada em um terreno com mais de cinco mil metros quadrados. O colégio possui seis salas de aula, biblioteca, quadra poliesportiva coberta, refeitório e auditório, além de laboratórios de ciência e informática. Senhor do Bonfim também vai ganhar uma nova escola estadual de tempo integral. A unidade já teve a obra licitada e contará com quadra poliesportiva coberta, campo society, auditório, refeitório, biblioteca e laboratórios, entre outros equipamentos de aprendizagem e lazer.