Covid: australianos protestam contra vacinação





Milhares de pessoas se manifestaram no sábado (20) em várias cidades da Austrália contra a vacinação anticovid-19.

Os manifestantes tomaram as ruas das principais cidades do país para protestar contra a vacinação obrigatória, a qual é exigida apenas em alguns estados e territórios para determinados grupos profissionais.

Em Melbourne, milhares de pessoas pediram a prisão do primeiro-ministro do estado, Daniel Andrews, opondo-se a um projeto de lei que dá ao governo de Victoria mais poderes para lutar contra a pandemia.

Com mais de 25 milhões de habitantes, a Austrália registrou mais de 195.000 casos e 1.933 mortes relacionadas com o coronavírus.