Feliz Ano Novo





Por Déa Maria Miranda
A sensação que tenho, é que vivemos dois anos em um. Dois últimos anos muito difíceis! Alguns laços se fortaleceram, outros se quebraram em mil pedacinhos, não tem cola nem adesivo que dê jeito; o riso largo deu lugar ao choro baixo, a incerteza de vida! Saúde, esteve presente no nosso pensamento: a falta dela, ou ameaça da falta dela, o risco sempre na espreita!Foi muito dificil! A fome! A fome passou a fazer parte do cenário que há muito não víamos! Tornamos a vivenciar a olhos nús, a miséria em cada esquina.

A desesperança em dias melhores, muitas vezes entrou no meu coração. Beco sem saída! Não há volta! O nosso mundo desconstruiu total, especialmente em valores individuais e coletivos. Diante de experiências anteriores, teremos a condição de construir caminhos, não alternativos, e sim definitivos? Tomara que sim! Mas, enfim, vamos respirar, novo ciclo! Novas possibilidades! Novos caminhos! Esperança em dias muito melhores! Penso que discernimento, seja a palavra para determinar nosso caminho, sempre acompanhado de compaixão! Beijo em todos e feliz ano novo!
-----------------------
Articulista