Fortaleza ganha outra no Barradão e se classifica para oitavas





Por Zedejesusbarreto
O Vitória, em casa, não fez feio, segurou o empate até os 48 minutos, levou um gol já nos acréscimos e está fora da Copa do Brasil. O problema é que, na frente, o time não consegue finalizar, fazer gols, e teve algumas boas chances, até mostrou evolução, não faltou raça. Com um time misto e sem forçar muito, o Fortaleza cozinhou, administrou, não sofreu muito e no final, trocando passes, liquidou o jogo (1 x 0 no Barradão, 4 x 0 no placar agregado).

O Leão do Pici está entre os 16 times que farão as oitavas de final e disputam o título. Sem reparos, o Tricolor cearense é mais time e está num momento melhor.

*

No Barradão

- Noite de quinta outonal em Salvador, úmida e sem chuvas. Jogo de volta, decisivo; o de ida, na capital cearense, deu Fortaleza – 3 x 0. Muito vazio nas arquibancadas, bom relvado. Quem vencesse passaria para as oitavas de final.

- O Leão da Barra, baiano, com seu traje tradicional rubro-negro; O Fortaleza, Leão do Pici, com camisetas brancas e detalhes em vermelho e azul, calções azuis. Há 5 jogos (agora seis) o time cearense não perde pro Vitória.

*

Com bola rolando ...

Com a arbitragem (?) mineira picotando muito e marcando tudo em favor dos donos da casa, chegamos aos 20 minutos de uma pelada murrinha e nenhum chute a gol, de parte a parte. Pros cearenses, tudo bem, com três gols de vantagem, nenhuma pressa.

- Aos 21’, depois de uma ratada feia de Benevenuto, Luidy não conseguiu finalizar, de frente pro goleiro Boeck. Um Fortaleza apático, sem apetite. Só aos 34 minutos Capixaba pegou um rebote de primeira, da entrada da área, pra fora. Aos 35’, Eduardo tentou encobrir o goleiro, de longe, e cobriu o travessão também, assustando Boeck. -

- Aos 41’, Titi foi acossado e empurrado por Roberto na intermediária, caiu pedindo falta, o árbitro nada marcou e o avante entrou livre, de cara, mas perdeu, não soube como definir o lance. A melhor chance de gol dos 45 minutos iniciais, os cearenses chiando com o soprador de apito.

*

Uma primeira etapa fraca de técnica e emoções. O Vitória brigou e correu muito, com mais vontade. O Fortaleza na manha, tentando trocar passes, cozinhando em banho maria, administrando a larga vantagem e se poupando, claramente. Os goleiros pouco trabalharam.

*

O mesmo panorama no começo da segunda etapa. Aos 14’, primeiro chute do rubro-negro na direção do gol: Alemão, da entrada da área, rasteiro e forte, para a espalmada de Boeck. O Leão mais aceso, assediando, melhor em campo.

- Aos 16’, Roberto bateu de canhota, pelo alto, a bola bateu no travessão de Boeck. Com o Vitória melhor, ganhando o meio campo, Vojvoda trocou três (Ze Wellison, Pikachu e De Pietri em campo). O treinador Fabiano Soares trocou cinco, pôs o time todo na frente. Mais equilíbrio a partir dos 20 min, com as modificações. Mais ritmado.

- O tempo passava, 35 minutos, e nada acontecia. O menino Álisson, arisco pela esquerda, em jogadas individuais, dando canseira, só. Aos 41’, trocando passes, Pikacu foi ao fundo pela direita e deixou Robson de cara, mas o avante cearense perdeu o gol, a chance mais clara construída pela equipe, chutando por cima. O Fortaleza voltou a controlar a partida, pondo a bola no chão e jogando mais próximo da área adversária nos minutos finais.

- Gol ! 1 x 0 Fortaleza. Aos 48’, trocando passes, chegando na linha de fundo, virando de um lado pro outro, Pikachu, sempre ele, achou o cruzamento rasteiro na pequena área e completou, abrindo o placar e garantindo, de vez, a classificação. Justa.

*

Escalações

- Vitória, treinado por Fabiano Soares: Lucas Arcanjo, Alemão (Mateus Moraes), Marco Antonio, Danilo Cardoso e Iury; João Pedro, Bolt (Allan), Leo Gomes (Alisson) e Eduardo; Roberto (Tréllez) e Luidy (Santiago).

- Fortaleza: Boeck, Landazurri, Benevenuto e Titi; Ronald, Jussa, Matheus Vargas, Lucas Crispim e Capixaba; Robson e Romarinho. (Pikachu, Ze Wélisson, Sammuel e De Pietri) Treinador, Juan Pablo Vojvoda.

- Arbitragem de Minas Gerais, com VAR; Paulo Cesar Zanovelli no apito.

*

Próximo compromisso do Vitória é pela Série C/ Brasileirão. Recebe o Botafogo/PB no Barradão, pela 6ª rodada; quarta-feira, dia 18, às 20h30.

**

Já estão classificados para as oitavas de final da Copa do Brasil: Bahia, Ceará, Fortaleza, América MG, Athlético PR, Atlético GO, América MG, Palmeiras, Corínthians, Flamengo, Fluminense ...

São 16 classificados, faltam algumas definições: Cruzeiro x Remo; Botafogo RJ x Ceilândia; Santos x Coritiba, Bragantino x Goiás, Brasiliense x Atlético MG.

Os confrontos das oitavas serão definidos por sorteio.

 

**

Foto: EC Fortaleza