Emenda garante direitos da mulher em Plano de Carreira da Guarda Municipal





A presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, vereadora Ireuda Silva (Republicanos), alcançou uma vitória para Salvador e o mundo. Por meio de sua emenda, o Plano de Carreira e Vencimentos da Guarda Civil Municipal garantiu a ocupação da mulher em um mínimo de 20% dos cargos. A matéria foi aprovada pelos vereadores.

No início da semana, a republicana já havia demonstrado o quanto a redação anterior do projeto era prejudicial aos direitos da mulher, minando as chances de ascensão e empoderamento feminino dentro da corporação. Felizmente, porém, a emenda da vereadora Ireuda reverteu o risco de defasagem.

"Há uma supressão das mulheres dentro das corporações e das empresas no mundo todo. Nossos espaços são conquistados a duras penas, com muita luta e suor, vencendo a opressão de não poder crescer. Foi uma vitória não só para Salvador, mas também para o mundo", disse Ireuda.

A republicana elogiou o prefeito Bruno Reis, que deu todo o apoio para que a revisão fosse feita. "Ressalto o prefeito que temos e que ainda ontem declarou que Salvador terá as mulheres em grande escala de protagonismo. Em realidade, a gestão da nossa cidade já demonstra pioneirismo com a quantidade cada vez maior de mulheres no comando de secretarias e outros órgãos importantes. Seguimos em frente, rumo ao mundo que estamos lutando para construir", acrescenta.