Anna Valéria comanda série de lives para falar sobre a Bahia





A pré-candidata a deputada federal, Anna Valéria Colares, iniciou ontem (21/06), uma série de lives para falar sobre temas relacionados a Bahia. O primeiro convidado foi o vereador André Fraga, ex-secretário Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência de Salvador, para falar sobre meio ambiente e sustentabilidade no estado. “Estou no papel de escuta, para ouvir as dores e em que posso contribuir com nosso estado, dentro dos temas que me identifico, um dele é o ambiental”, afirmou Anna.

Os dois relembraram o primeiro encontro juntos, quando Anna era repórter, em que André lhe presenteou com um apito, como um objeto de segurança. Anna é ciclista e citou a importância da ciclovia para a sustentabilidade das cidades. “Eu gosto muito de pedalar na orla de salvador, mas tenho medo, por causa da segurança e pela falta de educação de ambas as partes, ciclistas e pedestres” afirmou Anna.

O vereador lembrou da complexidade de gerir o trânsito, e falou sobre as ações da prefeitura para otimizar o uso de bicicletas. “de 2013 para cá, Salvador aumentou a malha cicloviária para quase 300km, tem feito uma serie de trabalho e campanhas para melhoria de educação no trânsito, com motoristas de ônibus, mas essa cultura leva tempo”, lembrou Fraga.

Muito envolvida com iniciativas ligadas ao meio ambiente, Anna teve sua infância marcada pelo contato com a natureza, durante as férias na fazenda da família, e mais tarde, pelo programa que comandou por 5 anos, o “Bahia Comunidade”. O programa recebeu o "Prêmio COFIC do Meio Ambiente" com a matéria “A vida dos Manguezais”, mostrando a beleza do ecossistema do litoral baiano e a importância de preservá-lo. Foi o primeiro programa de TV que mostrou a capital e o interior da Bahia como jamais havia sido feito antes. Além de editora chefe, Anna era repórter do programa.

Anna vai contar com agenda de lives para falar com sobre temas como mulher, educação, cultura, emprego e renda sempre no papel de escuta para organizar suas bandeiras. “Eu vejo a cultura, o turismo e a agricultura como indústrias que geram milhares de empregos e renda. É preciso trabalhar para revitalizar e modernizar essas indústrias, com o foco no social e na preservação do meio ambiente. Serei também a porta voz das mulheres baianas no Congresso Nacional; criei dois filhos sozinha e passei pelas dificuldades que muitas mulheres ainda hoje passam”, finaliza Anna.